Adelai Quefar foi homenageada pela Ministra Damares Alves

Postado em
0

 

O Ministério da Mulher, da Família e dos Direitos Humanos, realizou o “Seminário Transversalidade das Políticas Públicas para a Proteção dos Direitos da Criança e do Adolescente“, na Esplanada dos Ministérios, em Brasília (DF), para apresentar políticas públicas em favor da criança e do adolescente.

Essas políticas permeiam as secretarias e diversas instâncias do governo, por isso, esse encontro foi promovido para que elas apresentassem os projetos que desenvolvem, como também mostrar os desafios que enfrentam. Além de homenagear organizações que atuam na sociedade de forma paralela, mas independente do governo.

Na oportunidade, Adelai Quefar, graduada da Escola de Ministros Rhema em Brasília, foi a homenageada pelo excelente trabalho social que realiza junto a comunidade localizada no Novo Gama (DF). 

Durante a solenidade, as crianças do Coral da Sociedade São Miguel Arcanjo, em Barbacena (MG), apresentaram-se cantando e tocando. Seguindo, a Secretária Nacional dos Direitos da Criança e do Adolescente, Petrúcia de Melo Andrade, fez a abertura do evento. Ela falou que o encontro era para falar sobre as políticas e para que toda a sociedade saiba o que o Ministério está fazendo com a ajuda das instituições independentes.

O evento seguiu com a participação de outros secretários: Silvia Waiapi, Secretária Especial de Saúde Indígena, Jayana Nicaretta (Secretária Nacional da Juventude), Marcos Costa Dias (Diretor da Secretaria da Família), Naum Mesquita (Secretaria Nacional dos Direitos da Pessoa com Deficiência), Ezequiel Roque (Secretário Adjunto da Secretaria Nacional de Políticas de Promoção da Igualdade Racial), que também apresentaram os seus projetos e enfatizaram a urgência de dar atenção à criança e ao adolescente. 

A Ministra Damares Alves, discursou. Ela iniciou dizendo que “Em todos os órgãos do Governo Federal, a ordem do Presidente Bolsonaro foi investir na criança e adolescente. Esse governo tem a certeza que só resolve o problema do país investindo neles“.

Ela continuou, citando textos bíblicos e mostrando o quanto o governo está empenhado em fazer com que todo o Ministério tenha o seu alvo na criança e no adolescente:

“Nós decidimos, nesse governo, que primeiro é para criança. Em qualquer Ministério tem que ter projeto para as crianças. Queremos todo mundo nessa nação falando de criança, pensando nelas. Eu acredito que chegou um novo momento para o Brasil, tenho dito isso em todos os lugares: nunca as crianças tiveram tanta atenção em um governo como nesse, no Brasil. Obrigada por estarem aqui conosco. Estamos construindo nesta nação um verdadeiro pacto em favor da criança e do adolescente. Antes as pessoas faziam fila nos ministérios para falar com ministros para negociar, aqui, as pessoas fazem fila para oferecer e dizer:’Como posso ajudar a salvar as crianças no Brasil?’, é um novo tempo. Só vamos avançar dessa forma, unindo forças. Legislativo, Judiciário e Executivo,  todo mundo junto em favor da criança e do adolescente. Eu sonho que daqui há alguns ano nos livros de história, vai estar escrito que no ano de 2019 a história das crianças no Brasil começou a mudar”, disse a Ministra Damares Alves. 

Dando continuidade, Adelai Quefar recebeu das mãos da ministra uma medalha de honra ao mérito pelo o trabalho que realiza com crianças e adolescentes. Adelai, ao lado do seu esposo, coordenam projetos sociais com crianças e adolescentes vítimas de violência doméstica e abuso sexual, moradores de rua, evangelismo em hospitais, presídios, dentre outros. Eles lideram a Igreja Ponto de Pregação, parceira do Verbo da Vida na cidade. 

A Ministra Damares tomou conhecimento sobre os projetos que são realizados por Adelai, e pediu para que a Secretária Nacional do Direito da Mulher, Criança e Adolescente pudesse conhecer, pessoalmente, o funcionamento dos projetos, como também a construção da Casa Abrigo. Após isso, a Secretária ficou impactada com o trabalho realizado e a ministra a convidou para receber essa homenagem.

“Foi lindo. Dentre tantas instituições no Brasil inteiro, ela nos escolheu. Só pode ter sido Deus”, disse Adelai. 

Em seguida, Mayra Pinheiro, Secretária da Gestão do Trabalho e Educação da Saúde, palestrou sob o tema: “Violência contra criança e adolescente, como violação dos Direitos Humanos”. Encerrando, ela falou do projeto Acolha A Vida”, para parcerias com escolas e as igrejas.

CAMPANHA
08/12
– Será lançado o “Desafio Detox Digital Brasil”, para estimular o resgate de brincadeiras antigas nas famílias e promover o estreitamento familiar e diminuição do uso de tecnologia. 

SEM COMENTÁRIOS

DEIXE UMA RESPOSTA