Alunos comemoram retorno presencial do Rhema em Campina Grande (PB)

Postado em
1

“É como se a gente tivesse sido ligada na tomada e não tivesse interferência, às vezes, a internet cai, mas aqui não, aqui é como uma conexão wi-fi direto do céu”, afirmou entusiasmada Carla Patrícia de Sales Reis, aluna do 2º ano, sobre o retorno do segundo semestre, com aulas presenciais, no Centro de Treinamento Bíblico Rhema, em Campina Grande (PB). 

A aluna se referiu à unção coletiva, segundo ela, apesar das aulas on-line terem sido um tempo de ensino diferente foram uma bênção, pois o Espírito Santo não tem fronteiras para atuar, mas receber dEle presencialmente é muito melhor. 

“A unção do professor, a unção dos alunos, esse calor humano é maravilhoso! Apesar do distanciamento necessário, do uso de  máscaras, nós estamos aqui para a glória de Deus!”, celebrou ela.

Carla Reis cursa o Rhema na companhia do esposo, Evaldo dos Reis Filho, para quem a volta das aulas trouxe muita alegria. Segundo Evaldo, a unção recebida na sala de aula é totalmente diferente. “Aqui nós sentimos a presença de Deus, apesar de sentirmos em casa também, mas aqui a bênção flui com mais facilidade, com mais alegria”, explicou.

Assim como o casal, muitos outros alunos celebram, igualmente, a maravilha que é participar das aulas de forma presencial. Visto que puderam escolher esse formato, em vez de continuar à distância, já que o formato virtual permanece para aqueles alunos do grupo de risco.

A jovem, Késsia Sales, de 19 anos, aluna do 2º ano noite, também escolheu o formato presencial. Para ela, por mais que as aulas à distância sejam muito boas, devido ao conforto de ficar em casa, a jovem sentia falta da interação com os amigos. “Sair de casa para encontrar as pessoas que você gosta, assistir às aulas e poder comentar com a pessoa do seu lado sobre como a aula está edificante, ou sobre uma frase que você gostou, é uma sensação muito melhor” afirmou ela, acrescentando que “poder ver, pessoalmente, e interagir com o professor, você consegue prestar mais atenção, eu tenho aproveitado e tenho gostado muito de partilhar isso com os meus irmãos”.

A importância de estabelecer contato presencial também fez o jovem Gabriel Diniz, de 16 anos, vibrar com o retorno. Ele está cursando o primeiro ano noite: “Mesmo tendo o ensino à distância e ser muito bom, o contato com o professor e com as pessoas é muito mais interessante”, afirmou.

QUISOSQUE VERBOSHOP

“Se Maomé não vai à montanha…”

“A montanha vai a Maomé”, brincou Douglas Ferraz, diretor da Escola, anunciando a chegada do quiosque VerboShop para facilitar o acesso dos alunos aos livros sugeridos pelos professores. O quiosque funciona todos os dias durante as aulas, expondo os livros das matérias estudadas e dos lançamentos da  Editora Rhema Brasil Publicações

“O nosso quiosque surgiu pelo fato da nossa livraria ficar um pouco distante das salas de aula. Ela fica na parte superior do templo e as salas ficam na parte inferior do prédio, quando os alunos precisavam ir ao banheiro ou lanchar o acesso à livraria ficava distante, então os diretores, Douglas e Mayla, solicitaram um quiosque do VerboShop para ficar mais perto deles” contou Daiene Bonetti, integrante da coordenação da Editora.

Apesar da novidade está em fase de adaptação, Laryssa Sales de Almeida, que fica no atendimento do quiosque disse que “os alunos ficaram muito animados”. Na opinião dela, facilitar o acesso à livraria através do quiosque “está sendo muito importante para os alunos, para que eles cresçam com o conhecimento proporcionado pelos livros e possam ir além da sala de aula”.
“Tudo está fluindo bem e a cada dia tem sido melhor. Estamos com grandes expectativas!” declarou a jovem.

Desse modo, somando a alegria da volta às aulas presenciais à facilitação do acesso à livraria, os alunos têm muito a comemorar neste segundo semestre. Tanto na turma de primeiro ano, que está cursando a matéria “Autoridade do Crente”, com o professor Isaías Tavares, quanto na do 2º, que está estudando “Vida de Louvor”, com Douglas Ferraz, a motivação e o sentimento de celebração dos alunos são os mesmos. Eles têm expressado toda a saudade que estavam do ambiente, e como é bom desfrutar desse momento juntos.  

Assim, depois de muitas orações, tudo indica que a partir desse semestre voltamos ao ‘normal’ ou será ao ‘novo normal’? Sobre essa questão, Douglas Ferraz pontuou:

Quando a gente parou, a gente almejava viver o novo normal, como todo mundo diz: ‘ah! quando será que as coisas vão voltar ao normal?’. Mas eu peguei uma palavra que diz que nunca mais nós voltaríamos ao normal, porque a gente aprendeu a viver pelo sobrenatural. E esse tempo não tem sido um tempo normal mais, voltar para o Rhema, voltar para a sala de aula, não é o ‘novo normal’, mas é o sobrenatural agindo e eu creio que não só a gente da escola, como equipe, mas cada aluno tem vivido milagres e como é bom a gente poder estar juntos, o gosto é diferente.

Convicto de que estamos vivendo o sobrenatural de Deus, o nosso diretor tem muitas expectativas para o que o Senhor fará nesse semestre. “O segundo semestre não vai ser só o dobro não! Vai ser o triplo, o quádruplo, muitas vezes mais! A Bíblia mostra que Deus é infinito e a gente crê que tudo aquilo que, talvez, tenha sido retido no primeiro semestre, Deus vai jorrar nesse segundo, eu creio que essa vai ser a formatura mais gloriosa que o Rhema já viveu aqui em Campina Grande”, declarou o diretor.

1 COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA