A paternidade de Deus pode mudar situações e alcançar aqueles que nunca usufruíram do amor de pai. Pode preencher lacunas e restaurar famílias. É sobre este amor que o músico Filipi Rodrigues canta no seu clipe de lançamento. A música foi gravada com a participação especial da sua sobrinha, Gabriela Cruz, com quem o músico tem uma relação de paternidade desde o nascimento. Recentemente, ele lançou seu terceiro álbum intitulado “Jesus” e, agora, estará compartilhando, a cada 15 dias, em seu canal no Youtube os clipes destas canções. As músicas têm abençoado a muitos e continuarão a impactar vidas.

A TRAJETÓRIA DE FILIPI RODRIGUES

Desde criança ele sempre foi envolvido com a música, aos três anos, já era apaixonado pelo seu piano de brinquedo. Conforme ia crescendo, essa paixão ficava ainda mais intensa. Ainda jovem, entrou no grupo de música da igreja e nunca mais saiu. Natural de Caruaru (PE), serviu há anos na Igreja Verbo da Vida, em vários departamentos, como na liderança do grupo de jovens. Em 2010, se mudou para Campina Grande (PB) a fim de estudar na Escola de Ministros Rhema, na mesma época também lançou o seu primeiro CD “Levou-me Além”, com canções inspiradas que motivaram e levantaram uma geração de jovens sedentos por mergulhar mais profundo em Deus, que se separam do mundo para viver o que é santo.

Com o objetivo de fazer com que a Igreja de Cristo se volte para o primeiro amor ao Senhor, Filipi lançou o seu segundo CD, “Como se fosse a Primeira Vez”, em 2014. O álbum traz canções inspiradas sobre o serviço e amor ao Senhor e a capacitação divina para a vida de piedade com Ele. Também fala sobre o cuidado de Deus para com seus filhos como na canção “Cuida de Mim”, que foi gravada com a participação da cantora Ana Nóbrega. O jovem cantor viajou para diversas cidades do Brasil e exterior levando a mensagem e louvor que Deus lhe entregou, alcançando muitas vidas. Em 2018, passou um período fixo, em Campina Grande (PB), para estudar na Escola de Missões Rhema enquanto também produzia a sua terceira obra musical.

PATERNIDADE

Filho de pais divorciados, Filipi conta que não usufruiu de um pai presente. A lacuna deixada em sua vida foi preenchida quando conheceu ao Senhor e se entregou a Ele. A partir de então, ele se sentiu completo. O clipe lançado hoje, da música Paternidade, fala desta experiência, muitos são os testemunhos de pessoas que têm se lançado no amor de Deus através desta canção.

O significado desta experiência vai ainda além da falta da paternidade em sua vida. Filipi contou com o “feat.” de sua sobrinha, Gabriela, para quem sempre foi como um pai. Assim como Filipi, Gabriela também sofreu com a ausência paterna, mas encontrou no tio uma referência de homem e, em Deus, um referencial de pai. ”Filipi sempre estava na minha casa. Como eu não tive um pai presente, cresci tendo ele como um referencial masculino. Foi muito boa a experiência de cantar um pouco sobre aquilo que nós vivemos e poder alcançar a vida de outras pessoas que passam pelo mesmo todos os dias”, relatou a jovem.

Exemplo é algo que não se constrói em plataformas ou holofotes. Habilidades nunca poderão substituir a boa conduta. Diferente do que a internet prega, ser uma influência para alguém não está ligado no quanto você se expõe aos outros, mas o quanto você se expõe a Deus. É o relacionamento cotidiano com Ele, uma busca sem pretensão de ser visto ou notado que nos coloca em um lugar chamado, por Paulo, de padrão dos fiéis. Na foto Gabriela, minha sobrinha. Há oito anos moramos em cidades e estados diferentes, mas vivemos todos os outros anos bem próximos um do outro. Foi o nosso relacionamento que inspirou a música “Paternidade”. Desde criança, ela sempre ouvia minhas orações de banheiro. Minha cantoria dentro do quarto. Meus devocionais. Hoje, eu flagro ela fazendo as mesmas coisas. Isso é o reflexo do exemplo. Que a nossa vida com Deus nos permita repetir o que Paulo declarou: “Sede meus imitadores como eu sou de Cristo.

Você pode conhecer melhor a história desta música no Mini Documentário abaixo:

O novo álbum traz uma proposta diferente dos anteriores, voltado para o “Worship”, um estilo com canções de adoração que envolvem e impulsionam os ouvintes a orar e se consagrar a Deus. Você já pode ouvir em todas as plataformas digitais e não deixe de se inscrever no canal do músico para acompanhar os lançamentos dos clipes!

ASSISTA AO clip “Paternidade”:

https://www.youtube.com/watch?v=BElq8uSFotM

Siga Filipi Rodrigues:

SEM COMENTÁRIOS

DEIXE UMA RESPOSTA