Conheça mais um testemunho emocionante do Centro de Cura Rhema

Postado em
3
886

Conheça o testemunho de cura do Eduardo, contado por sua mãe, Nayara Jatobá. Ele, ainda com dias de vida, foi diagnosticado com uma doença grave no coração. Através do Centro de Cura os pais foram fortalecidos na Palavra, até o dia do seu milagre. Confira esta emocionante história abaixo:  

Meu nome nome é Nayara, tenho 29 anos, e estou aqui para contar um pouco dos últimos 9 meses de vida de Eduardo, meu filho mais novo. Após uma gestação tranquila e saudável, Eduardo nasceu no dia 29 de setembro de 2016, aparentemente bem e logo foi para o quarto. Mas, em sua 17ª hora de vida, ao ser avaliado pela pediatra, foi observado cianose central e surgimento de sopro cardíaco.

Neste momento, foi quando descobrimos que ele era portador de cardiopatia congênita, e foi imediatamente transferido para a UTI-Neo. Após alguns exames mais detalhados, Eduardo foi diagnosticado com cardiopatia congênita complexa, que são várias alterações, malformações no coração que ocorreram ainda enquanto feto. O caso era grave e necessitava de cirurgias corretivas.

Foi quando adentramos em um mundo totalmente desconhecido e, percebemos que o dia mau havia batido em nossa porta. Mas, graças a Deus por essa Palavra revelada que temos, que não nos permitiu desesperar, nos deu forças e graça para resolvermos tudo o que era necessário para o momento.

Uma semana após o nascimento, Eduardo foi transferido para Recife, onde realizou a primeira cirurgia, com apenas 12 dias de vida. Sua recuperação foi sobrenatural, permanecendo apenas mais dois dias em UTI no pós-operatório. Chegamos a ouvir dos médicos que teria sido a melhor cirurgia desse tipo que eles haviam realizado.

Quatro dias antes dele completar um mês de vida, recebemos alta do hospital e finalmente, chegamos em casa. Os dias foram se passando e Eduardo cada vez mais ficava cansado e cianótico. Mas, a Palavra de Deus nos trazia a certeza de que, mesmo diante das circunstâncias, Eduardo não morreria mas viveria para contar os feitos do Senhor! E durante esse tempo, descansar em Deus e avançar em fé era a minha meta diária. Livros, ministrações em vídeo e o Centro de Cura me fortaleciam cada vez mais. A palavra sobre cura, que durante anos ouvi e achei que nunca seria para mim, tornou-se Rhema nesses dias.

Espalhei escritos pela casa que traziam as verdades da Palavra sobre Eduardo, verdades estas que eu sabia que estavam acima do quadro que os meus olhos naturais conseguiam enxergar. Passamos a fazer o acompanhamento dele em São Paulo. E quando ele completou oito meses, a equipe médica decidiu intervir, não havia mais como prorrogar.  Eduardo, então, fez a sua segunda cirurgia em São Paulo, no dia 17 de Junho desse ano. A cirurgia foi custeada em sua totalidade pelo plano de saúde, sem a necessidade de buscar o judiciário, como acontece na maioria dos casos. O médico chefe da equipe cirúrgica, Dr. José Pedro, mora nos Estados Unidos e, só viria para o Brasil em Agosto, mas Deus sabe o porquê, ele chegou um dia antes e participou da cirurgia de Eduardo.

Alguns médicos achavam impossível utilizar a técnica criada por esse médico, em razão da anatomia do coraçãozinho dele. Acreditavam que a técnica possível de fazer seria uma em que ele teria que passar por nova cirurgia a cada 3, 4 anos e isso, até a fase adulta. 

A cirurgia durou nove horas e, enfim, soubemos que conseguiram fazer a técnica do Dr. José Pedro, sendo assim, a correção foi total e nunca mais Eduardo precisará de nova intervenção! Glória a Deus! A princípio soubemos que ele viria do centro cirúrgico de peitinho aberto, porque como a cirurgia era de grande porte, o coração muito grande não suportaria a compressão e, apenas em dois dias ele voltaria para a sala de cirurgia para fechar. Mas, ao final da cirurgia soubemos que os médicos conseguiram fechar. O coração voltou ao tamanho normal em horas, o que deveria acontecer em dias.

Eduardo fez a cirurgia no sábado, retirou a sonda e extubou no domingo, na terça retirou os dois drenos e na quinta-feira teve alta da UTI. O Dr. José Pedro deseja fazer um artigo sobre o caso de sucesso do Eduardo.

Louvado seja Deus! No dia 30 de Junho recebemos alta do hospital. Médicos e toda a equipe de saúde ficaram impressionados com a sua recuperação. Eduardo é o meu milagre, chamado por Deus desde o ventre! Sou grata ao Senhor pela Sua Palavra que nos liberta, pelos seus feitos em nossas vidas, por sua provisão, cuidado, bondade, graça e misericórdia que é nos ofertado todos os dias e, pelas pessoas que se levantaram em oração pelas nossas vidas!   

3 COMENTÁRIOS

  1. Que testemunho lindo! Parabéns Plabo e Nayara Jatobá e ao vovô Marco e a toda família por esta grande vitória, que também é nossa, estamos muito felizes por vocês, verdadeiramente o Senhor é bom e cuida dos seus filhos.

DEIXE UMA RESPOSTA