Doação de sangue atraiu muitos voluntários à igreja de Rio Janeiro (RJ)

Postado em
0

A doação de sangue é um gesto, nobre e altruísta, que leva esperança para pessoas enfermas. No contexto da igreja de Cristo, esse ato de “doar vida” passa a ter um significado ainda mais marcante, pois lembra que o sangue de Jesus foi entregue para nos salvar.

E para levar adiante esse conceito de amor e cuidado com o próximo, a Igreja Verbo da Vida de Campo Grande, Rio de Janeiro (RJ) em parceria com o Instituto Hemorio  realizou uma ação de doação de sangue. O evento ocorreu na nave da igreja local e atraiu muitos voluntários.

De acordo com a Secretaria de Missões da referida igreja, esse ano houve um aumento do número de doadores em relação aos anos anteriores. O que mostra um avanço nessa ação de responsabilidade social.

A iniciativa contou com o apoio do casal pastoral Pr. Cláudio e Marcela Chianca, além de representantes do Instituto Hemorio, a exemplo da médica e Coordenadora do Serviço de Hemoterapia, Shirley Castilho.

“Hoje, com o número de coletas que fazemos na estrutura do Hemorio, não conseguimos dar suporte para todo o Rio de Janeiro, porque nós enviamos sangue para mais de 200 hospitais. Então essas campanhas são superimportantes, pois agregam um volume de sangue que nos auxilia a atender toda essa demanda”, ressaltou a coordenadora, acrescentando que que esse tipo de parceria é fundamental para manter os estoques de sangue devidamente abastecidos.

Segundo ela, todas as ações em prol da doação de sangue, independente do número de doadores, são extremamente relevantes, pois ajudam a difundir uma cultura de doação entre os brasileiros.

De acordo com dados do Instituto Homorio, atualmente, o percentual da população que doa sangue no Brasil é em torno de 1,5% por cento, quando o ideal é que esse número chegasse a, pelo menos, 3%.  

No que tange à parte operacional, o dia de coleta sanguínea contou com o zelo e organização das equipes da Secretaria de Missões e do Diaconato da igreja local. Kalline Bernardo, que serve na secretaria de Missões, disse que essa iniciativa é mais uma forma de demonstrar amor e dedicação ao próximo. “Através da doação de sangue, nós expressamos o desejo de levar refrigério para outras vidas. É uma forma de se doar ao próximo, assim como Cristo se doou por nós. Além disso, quando doamos sangue também estamos demonstrando que nosso amor e coragem estão acima de medos e reservas”, afirmou Kalline.

O público doador foi composto, em sua grande maioria, por pessoas que moram e trabalham no bairro de Campo Grande, além de membros da igreja local. “Acho superinteligente essa parceria entre o Hemorio e a nossa igreja. É uma forma mobilizar pessoas em torno dessa causa. Já que estamos com saúde, por que não doar vida para quem precisa?”, destacou Ednilson Rosas que congrega no Verbo Campo Grande.

O dia de coleta sanguínea na igreja terminou com as equipes operacionais reunidas, celebrando com muita alegria e gratidão pelo sucesso obtido no evento.

 

SEM COMENTÁRIOS

DEIXE UMA RESPOSTA