Seminário de Verão no Rio trouxe instruções sobre dons ministeriais

Postado em
0

Dias de instrução e aprendizado foram vividos durante as cinco quintas-feiras, do mês de janeiro, na Igreja Verbo da Vida de Campo Grande, no Rio de Janeiro (RJ),  durante o Seminário de Verão 2020, cujo o tema foi “Os Cinco Dons Ministeriais”.  

O evento é uma programação da Igreja local, que acontece anualmente, sempre com temas específicos. O objetivo é contribuir para o crescimento, edificação e avanço do Corpo de Cristo.

Durante o seminário, os preletores foram os ministros Caoxande Chianca, pastor da igreja local, além de Marcela Chianca, Bruno César, Alex Bastos e Keziah Galo.

O culto de abertura foi ministrado pelo pastor Caoxande, que pregou sobre o ofício pastoral e explicou que, embora o apascentamento esteja intimamente ligado a este dom, também estão entre suas responsabilidades o governo e a inspiração.

“Os frutos do pastor estão na vida de suas ovelhas, ele vai focar no amadurecimento, no cuidado e restauração delas, mas também vai buscar inspiração de Deus para pregar e conduzi-las a um bom lugar, ao mesmo tempo que administra a igreja para que tudo funcione corretamente”, explicou o Pr. Cláudio.

Na sequência do seminário, Bruno César explicou sobre o ofício do mestre e esclareceu a diferença entre a unção para ensinar e o chamado ministerial dentro dos cinco dons. Ressaltou, ainda, as principais características que evidenciam este ofício, como o zelo ao ensino e a diligência no estudo da Palavra.

“Existe a graça de Deus, mas existe também a parte que é nossa responsabilidade. Nós temos que estudar a Palavra e colocá-la em prática com dedicação. O mestre traz a palavra e a ensina, isso nos faz avançar e amadurecer”, esclareceu Bruno.

O terceiro dia recebeu a participação especial da ministra Keziah Galo, que ensinou sobre o ofício do profeta. Keziah frisou que a principal característica do profeta na nova aliança é proclamar algo de Deus e alinhar o Corpo de Cristo. Evidenciando a importância da diligência com a Palavra e a busca por um relacionamento mais íntimo com Deus.

“Profeta é aquele que empresta a voz para proclamar algo de Deus para o Corpo de Cristo. Toda vez que a unção profética está se manifestando, Deus está liberando coisas preciosas e específicas para nós. Não fique aguardando ser escolhido”, enfatizou Keziah.

No penúltimo dia, Marcela Chianca ensinou sobre o ofício apostólico. Ela explicou que a doutrina foi dada por Deus e a igreja de Cristo foi fundamentada pelos apóstolos. A ministra finalizou descrevendo as principais características que evidenciam esse dom ministerial, como a capacidade de levantar e treinar líderes e como aquele que carrega a visão de Deus e a realiza.

“O apóstolo é aquele que tá cheio de visão e inspiração de Deus, desejoso de fazer algo. Ele é um carregador da visão, inspira a igreja e vê além das quatro paredes, ele tem a visão do ‘todo’”, esclareceu Marcela.

O encerramento ficou sob responsabilidade do ministro Alex Bastos, que ministrou sobre o dom do evangelista, fechando o seminário com chave de ouro. Alex esclareceu que os dons se completam e a compreensão da visão de cada um deles, nos ajuda a compreender a plenitude da obra de Deus. E descreveu alguns aspectos do ministério do evangelista, como a facilidade de pregar o Evangelho e estimular a Igreja a alcançar os perdidos.

“O chamado não está atrelado à personalidade. Deus nos usa do jeito que somos. Ele unge o que é autêntico. Não importa o seu jeito, importa o coração disponível”, finalizou.

O Seminário de Verão foi um sucesso e encerrou com uma atmosfera repleta de unção e manifestações de cura. Foram cinco semanas de muito aprendizado e avanço, onde Deus estabeleceu fundamentos para promover o crescimento e edificação do Corpo de Cristo. O resultado foi um despertar e uma convicção de chamados para servir o reino, exercendo o dom que Deus derramou sobre a vida de cada um.

 

 

SEM COMENTÁRIOS

DEIXE UMA RESPOSTA