Ministros foram exortados a andar em amor e ter uma vida de fé nesta manhã

Postado em
0

A manhã de sábado na Conferência de Ministros Verbo da Vida no Centro-Oeste começou muito bem! Após o período de louvor e adoração, Thiago Garcia, dirigente do culto, convidou ao púlpito Jussara Pereira, Missionária no Camboja há sete anos, para falar um pouco do maravilhoso trabalho evangelístico que ela tem realizado na escola de ensino fundamental como também com visitas aos vilarejos da região.

“As pessoas loucas que acham que podem mudar o mundo, são as que mudam o mundo. Grandes coisas estão acontecendo no Camboja! Agora, peço que orem por duas coisas que estou crendo: para que chegue uma igreja Verbo da Vida e o Rhema e, para um carro com mais tração para que eu consiga ir a lugares mais longe”, disse Jussara.

Conheça um pouco da Missão no Camboja.

Seguindo, mais uma vez foi dividido em dois momentos de ministração, desta vez com os integrantes da diretoria do Ministério Verbo da Vida, pastor João Roberto Albuquerque e Perilo Borba.

JOÃO ROBERTO

Com muita graça e firmeza, o pastor João ensinou sobre a base que é a fé, mas esta opera pelo amor. Ele disse que o ativismo não tem valor algum se não andar em amor. Se fé e amor são mais importantes, esses princípios precisam ser prioridades.

“Hoje, nossa circuncisão pode ser outras coisas. Pode ser nosso ativismo, nossas obras, nosso serviço… nada disso possui valor diante do propósito principal de nossas vidas. Talvez, essa seja a razão de trabalharmos muito e obtermos pouco resultado. A ordem é a fé que opera pelo amor. Tanto a fé como o amor são prioridades. Temos que selecionar o que é mais importante”, afirmou.

Ele continuou dizendo que o amor tudo sofre. O amor não é egoísta. O que fará diferença entre a igreja e o mundo será o amor. Se você quer exercitar o amor, então comece a exercitar o ‘tudo sofre’”.

Leia mais da mensagem do Pr. João Roberto em seu blog.

PERILO BORBA

Já Perilo Borba exortou os ministros a exercitarem a sua vida de fé, para serem líderes que além dos resultados, as pessoas veem uma fé a qual elas possam imitar.

“Precisamos, ser líderes e ministros de fé, possuindo uma fé que as pessoas possam ver, ouvir e imitar. Uma vida de fé nos propicia sermos seguidos. Eu não preciso falar o que todo mundo está falando, pois, se eu sou da fé, tenho que saber o que estou falando. Minhas palavras determinarão os meus frutos”, disse ele.

Perilo disse ainda que, milagre acontece em um ambiente de fé não de desespero. Uma vida de fé gerará estabilidade, descanso e constância, apenas é necessário “pairar”.

“A fé não opera debaixo de preocupação e desespero! Fé não opera debaixo de ansiedade. Para que você diga ‘haja luz’, você precisa estar pairando, meditando na coisa certa. Aprenda a pairar! Aprenda a sobrevoar, estando por cima das circunstâncias. Uma vida de fé gera constância e estabilidade. Uma vida de fé gera domínio das emoções. Uma pessoa constante não age sob impulso. Precisamos a escrever mais na areia”, concluiu.

Continue lendo a mensagem do Perilo Borba em seu blog.

Com muita alegria e confissões de fé os conferencista declararam encerrando esta manhã declarando que “de fé em fé eu vou, de glória em glória eu vou”.

SEM COMENTÁRIOS

DEIXE UMA RESPOSTA