Pr. Elves Barreto: de Campo Grande (MS) para Campina Grande (PB)

Postado em
0

Por trás de uma chamada ministerial para pastorear um povo, existe uma trajetória de preparação. Na caminhada do Pastor Elves BarretoCampina Grande (PB) foi parada obrigatória. Ele é natural de Campo Grande (MS), onde se graduou, em 2007, no Centro de Treinamento Bíblico Rhema. Quando o curso se aproximou do fim, começou a se intensificar em seu coração o desejo de ir além daquela sala de aula e buscar mais experiências.

No ano seguinte,  um passo de fé lhe proporcionou uma qualificação sobrenatural na Escola de Ministros Rhema, que se tornaria uma ferramenta primordial no cumprimento do seu chamado. Em 2021, a EMR estará com as portas abertas para impulsionar pessoas desejosas para cumprir os planos de Deus em suas vidas. A “Capital da Fé”  é esse lugar de preparação e imersão em uma visão que está se espalhando pelo mundo todo.

“O tempo que eu passei em Campina Grande foi maravilhoso. Acho que foi o melhor tempo da minha vida. Foi um tempo de criar estrutura, forjar caráter,  de construir uma estrutura de fé.”

Tudo isso relatado pelo Pr. Elves aconteceu em um ano de exposição a verdades compartilhadas por homens e mulheres de Deus com vivência no ministério. Todos os professores percorreram caminhos semelhantes e podem passar seus exemplos práticos aos alunos. Quase todos fazem parte do Ministério Verbo da Vida, incluindo diretoria, supervisores e coordenadores do MVV. Este é um tempo também de conexões divinas entre os alunos, devido às inúmeras atividades extras e a uma extensa jornada curricular proposta pela Escola.

Os professores do Rhema e diretores locais costumam incentivar aqueles que estão finalizando os dois anos de curso a conhecerem a Escola de Ministros Rhema. Essas falas fizeram Elves borbulhar por dentro até ele se render a essa próxima estação preparatória. Com convicção e obediência decidiu partir para o interior da Paraíba, pois na época não existia a opção de fazer a Escola itinerante.

CONEXÃO CAMPO-CAMPINA
Bem antes de assumir a igreja, Elves Barreto era empresário em Campo Grande, tinha uma academia de tênis e deixou tudo, não arrendou, apenas passou para outras pessoas que assumiram o negócio. Levou para a Paraíba somente suas ferramentas de trabalho: as raquetes. 

“Sair da minha terra e ir para Campina Grande foi um desafio enorme, porque eu sai de uma cultura totalmente diferente e fui guiado por uma voz no meu espírito.”


Quando chegou aqui, após um breve período de lua-de-mel, em João Pessoa (PB), ficou com a esposa por algumas semanas na casa de outro casal. Além de não terem suporte financeiro da igreja, nem de demais irmãos, a busca de emprego também não foi fácil, tendo em vista que os clubes de esporte não o conheciam. Deus abriu uma porta de trabalho e eles começaram a avançar nesta área. Mesmo sem renda fixa, procuraram um apartamento para morar e conseguiram comprar a mobília com o dinheiro que Elves ganhou dando aula na capital, nos fins de semana.


BAGAGEM MINISTERIAL
Ele pode até ter chegado com poucas coisas, mas voltou para sua terra abastecido de muitas experiências e ensinos poderosos. Atualmente, preside a Igreja Verbo da Vida Cuiabá (MT). Na capital matogrossense, implementou a visão e iniciou a obra que alcança um povo amoroso e fervoroso no Espírito. Muitos líderes já foram levantados baseados nos mesmo ensinamentos que Pr. Elves recebeu há alguns anos.    

“Eu tenho anotações fresquinhas, daquela época, que eu uso hoje em vários momentos da minha vida. Eu vim para o ministério em tempo integral muito vacinado por causa da Escola de Ministros. Não eram apenas informações, eram vacinas de coisas que a gente deve evitar, de coisas que a gente não deve fazer e também de como devemos levar as coisas, como proceder dentro do ministério.”

Pastor Elves afirma que a Escola é essencial para uma bagagem no ministério, é fundamental para quem tem um chamado no ministério, viver esse chamado divino, viver da Palavra. Se você sabe que tem o chamado, a indicação dele é que você faça a sua pré-inscrição na Escola de Ministros Rhema. Em 2021, não haverá unidades itinerantes, apenas a Escola Sede, em Campina Grande, estará funcionando. Prepare-se e venha!  

SEM COMENTÁRIOS

DEIXE UMA RESPOSTA