Agarre as verdades da Palavra

Postado em
0

por Guto Emery 

“Então conhecerão a verdade, e a verdade os libertará” (João 8.32).

A Bíblia fala que no lugar que Jesus estava pregando nem todos creram. Nem todos deram crédito às palavras de Jesus nesse momento em específico.

“Enquanto Apolo estava em Corinto, Paulo viajou pelas regiões do interior até chegar a Éfeso, no litoral, onde encontrou alguns discípulos. Ele lhes perguntou: ‘Vocês receberam o Espírito Santo quando creram?’. ‘Não’, responderam eles. ‘Nem sequer ouvimos que existe o Espírito Santo’.  ‘Então, que batismo vocês receberam?’, perguntou ele. ‘O batismo de João’, responderam.  Paulo disse: ‘João batizava com o batismo de arrependimento, dizendo ao povo que cresse naquele que viria depois, isto é, em Jesus'” (Atos 19.1-11).

Assim que ouviram isso, foram batizados em nome do Senhor Jesus. Paulo lhes impôs as mãos e o Espírito Santo veio sobre eles, e falaram em línguas e profetizaram. Eram ao todo uns doze homens.  Em seguida, Paulo foi à sinagoga e ali pregou corajosamente durante três meses, argumentando de modo convincente sobre o reino de Deus. Mas, alguns deles se mostraram endurecidos, rejeitaram a mensagem e falaram publicamente contra o Caminho. Paulo, então, deixou a sinagoga e levou consigo os discípulos, passando a realizar discussões diárias na escola de Tirano. Isso continuou durante os dois anos seguintes, e gente de toda a província da Ásia, tanto judeus como gregos, ouviu a palavra do Senhor.  Deus concedeu a Paulo o poder de realizar milagres extraordinários.

Precisamos nos atentar para aquilo que a Palavra de Deus pode fazer nas nossas vidas. O fato de você rejeitar a Palavra de Deus faz com que você não creia e que Deus não possa operar na sua vida.

“Quando Paulo e Barnabé estavam saindo da sinagoga, o povo pediu que voltassem a falar dessas coisas na semana seguinte. Muitos judeus e gentios devotos convertidos ao judaísmo seguiram Paulo e Barnabé, que insistiam com eles para que continuassem a confiar na graça de Deus.  No sábado seguinte, quase toda a cidade compareceu para ouvir a palavra do Senhor. Quando alguns dos judeus viram as multidões, ficaram com inveja, de modo que difamaram Paulo e contestavam tudo que ele dizia.  Então, Paulo e Barnabé se pronunciaram corajosamente, dizendo: “Era necessário que pregássemos a palavra de Deus primeiro a vocês, judeus. Mas, uma vez que vocês a rejeitaram e não se consideraram dignos da vida eterna, agora vamos oferecê-la aos gentios. Pois foi isso que o Senhor nos ordenou quando disse: ‘Fiz de você uma luz para os gentios, para levar a salvação até os lugares mais distantes da terra’” (Atos 13:42‭-‬47).

Nós não éramos dignos, mas Jesus resolveu pagar o preço por nós. Nós não merecíamos o presente de Deus, mas Deus resolveu dar essa vida abundante para nós. Existe um poder disponível quando a gente decide crer certo. Precisamos agarrar a Palavra de Deus para vencermos as situações do dia a dia, como filhos de Deus. Há uma decisão sua em acatar a Palavra e, assim, você verá as coisas mudando em sua vida.

“Mas somos descendentes de Abraão”, disseram eles. “Nunca fomos escravos de ninguém. O que quer dizer com ‘Vocês serão libertos’?”  Jesus respondeu: “Eu lhes digo a verdade: todo o que peca é escravo do pecado. O escravo não é membro permanente da família, mas o filho faz parte da família, para sempre. Portanto, se o Filho os libertar, vocês serão livres de fato. Sim, eu sei que vocês são descendentes de Abraão. E, no entanto, procuram me matar, pois não há lugar em seu coração para a minha mensagem” (João 8.33‭-‬37).

Jesus sabia que eles eram filhos de Abraão, mas eles estavam se comportando de uma maneira equivocada. Eles se comportavam dessa forma porque não tinham a Palavra neles. Não precisamos ter cabeça dura, ou ficarmos descrentes, se abra para a Palavra e ela se fará viva para você nesse tempo!

Se abra para a Palavra para suportar qualquer situação ou circunstância que vier sobre a sua vida!

Indicação de Leitura:
• O ESPÍRITO DA FÉ (Mark Hankins)
• FÉ E CONFISSÃO (Charles Capps)

*Trechos da mensagem no #DomingOnline #1 em 22 de março de 2020.

 

Fonte: Site Verbo da Vida Sede

SEM COMENTÁRIOS

DEIXE UMA RESPOSTA