Tentação e consequência

Postado em
1

Hoje quero meditar com você um pouco sobre duas coisas. Porque existem duas formas de circunstâncias na vida de um crente: a tentação e a consequência.

A tentação é a instrução contrária ao que Deus diz. Ela permanece por pouco tempo, somente até sua fé ser provada. Você pode resistir firme na fé e ela vai fugir.

Já quando a circunstância é uma consequência, se faz necessário arrependimento e mudança de atitude. Apenas resistir firme na fé não vai resolver o problema, porque você deu legalidade para aquela circunstância se estabelecer em sua vida. E agora está apenas colhendo pelas suas escolhas erradas, pois Deus não pode quebrar suas próprias regras.

Existem armas espirituais que foram disponibilizadas por Deus para combatermos o bom combate da fé e precisamos usá-las. Se Deus as colocou ao nosso favor, não podemos ficar alheios, precisamos conhecê-las e saber usá-las corretamente.

A fidelidade te leva a desfrutar de bônus. Isso vem da legalidade, pois Deus não pode abençoar o que está errado. Se esforce para ser educado na justiça de Deus.

Espiritualmente, não crescer é igual a retroceder. Servir a Deus exige esforço de nossa parte. A Deus não devemos dar o que sobra. Os cristãos relaxados que negligenciam seus deveres acumulam conseqüências para seu futuro.

Cuidado com a sua vida, você não tem mais liberdade de fazer ou dizer o que quer.

Esteja atento a tentação e resista firme na fé.

1 COMENTÁRIO

  1. É bom refletir e mudar de atitude imediatamente.Assim como diz a palavra que nosso Pai celestial virá como um ladrão então precisamos estar prontos. Amém!
    -“Não temos mais liberdade para fazer ou dizer o que quer.”
    “-Deus não pode abençoar o que está errado.”
    -“Os cristãos relaxados que negligenciam seus deveres acumulam consequências para seu futuro”.
    Bela exortação Irmão!Amém!

DEIXE UMA RESPOSTA