Liberte-se de si mesma

Postado em
1

Por Klycia Gaudard

Quem de vocês já teve uma boneca Barbie? Lembro que na minha época a Barbie era cara e eu queria muito ter uma, e minha primeira Barbie foi uma ciclista. Eu fiquei muito feliz em ganhá-la, mas, fiquei frustrada em descobrir que quando ela descia da bicicleta, as pernas dela era mole e não ficava em pé.

A Barbie é muito antiga e é umas bonecas que mais rendeu lucro. Se você comparar a Barbie no seu surgimento e hoje, ela mudou bastante. Na década de 50 só existiam bonecas de louça, ou de papel. Acontece que, uma senhora viu que seu filho possuía muitos brinquedos, e sua filha Bárbara não possuía quase nenhum. Então, ela viajou até a Suíça, e se inspirou nas bonecas de lá para criar a Barbie.

Porém, aquelas bonecas Suíças, com seios, cintura fina, foram criadas por homens, e elas eram dadas a mulheres prostitutas ou amantes, para demonstrar o interesse do homem pelo sexo. Inicialmente, as Barbies não foram bem aceitas pelas mães, pois elas tinham medo que as filhas se tornassem independentes e não se casassem. Foi aí que criou-se a Barbie noiva, para inspirar as meninas ao casamento, e as Barbies serem vendidas.

A Barbie causou uma revolução no comportamento feminino, pois antes as meninas queriam bonecas em forma de bebê, mas agora elas querem o cabelo, a cintura, o corpo da Barbie. Iniciou-se uma revolução feminina, as mulheres começaram a trabalhar fora e o Bob foi criado, o namorado da Barbie (note que ele não é o marido, pois a Barbie é independente).

Por conta dessa ditadura da beleza implantada a partir daí, 98% das mulheres são insatisfeitas com seu corpo e consigo mesma.

O que acontece é que nós crescemos com imagens e padrões, e muitas vezes nos olhamos no espelho e não enxergamos esses padrões, isso desenvolve uma visão errada sobre nós mesmos e isso nos aprisiona mentalmente.

Essa prisão, muitas vezes, deriva também de coisas que as pessoas lançaram sobre você e te fizeram se sentir inferior. Lembra como Satanás enganou Eva? (Gênesis 3) A serpente disse a Eva “certamente que não, Deus quer que você não tenha o conhecimento que Ele tem”.

Você precisa ter a Palavra dentro de você. Quando você vai a um restaurante, ler o cardápio apenas não mata sua fome. Saber que um medicamento é bom para certa doença, não traz a cura. Eva sabia o que Deus tinha dito, mas não foi o suficiente. Só ouvir o que Deus diz não é suficiente, você precisa andar no que Deus diz. A serpente despertou algo em Eva que distorceu a verdade do que Deus a criou para ser, e é isso que ela faz até hoje.

Mateus 6 fala sobre isso! Ainda que uma fonte seja pura, se existe algo morto perto, mesmo filtrada a água ela não está boa para beber, porque a pureza da fonte foi contaminada pelo que morreu perto. Se existe algo que tem atrapalhado você, seja mágoa, falta de perdão, angústia, não ponha a culpa em Deus, Ele é uma fonte pura, cabe a você retirar o que está morto! A fonte de Deus é boa, cristalina, mata a sede, mas precisamos retirar o que está morto perto da fonte!

Pense em uma mulher que tinha uma boa condição financeira, mas perdeu tudo por uma doença, e essa doença era hemorrágica, o que a tornava uma mulher constantemente impura, e consequentemente tudo que ela tocasse seria impuro também. Você já conheceu alguém que tudo que toca quebra? Destrói? Machuca? Gente pessimista? Mal humorada?

Têm muitas mulheres assim, mulheres do fluxo de sangue, isoladas em si mesmas, isoladas da ajuda de pessoas e do próprio Deus, sem saber como sair dessa ilha.

Existem imagens dentro de algumas mulheres difíceis de sair, talvez tenham começado com a Barbie, com uma traição ou uma simples TPM. A mulher do fluxo de sangue não possuía amigos, porque ela não dava certo, ela era impura, ela estava suja, ela era encostada e não encostava. Não havia contato, afeto, amor, ela era sozinha à doze anos e gastava seu dinheiro para ser o que a sociedade esperava que ela fosse. Comprava roupa, sapato, maquiagem, cabelo, mas não se libertava do que ela era por dentro. O dinheiro não resolveu e esgotou.

Tantas mulheres gastando seu dinheiro para ser algo que as pessoas querem que ela seja e, continuam isoladas. A mulher do fluxo de sangue não é promovida, não flui. Mas, ela ouviu falar de Jesus. E não era qualquer Jesus, é um Jesus que ama, que pega no impuro, que encosta em quem ninguém quer encostar. Agora ela tinha uma escolha: continuar dentro de sua própria ilha interna ou se levantar e tocar Jesus. Ela tinha que se levantar, sair de casa, enfrentar as pessoas, passar pela multidão, mas ela foi!

Você precisa reagir

Você precisa levantar

Não adianta fazer terapia, não adianta tomar remédio, se você não levantar e decidir fazer algo por si mesma! Você não precisa de imposição de mãos, você precisa abrir a porta do seu quarto, sair de dentro da sua casa e tocar Jesus! Ainda que a figueira não floresça e não haja fruto na videira, você não precisa temer. Diga: “eu sou corajosa, eu dou o primeiro passo, eu toco!” Está disponível para você, abra o seu coração para se libertar de si mesma, não são as pessoas que vão abrir a porta, mudar seus pensamentos, seus olhos, não! Você precisa fazer isso.

 

*Trechos da mensagem de Klycia Gaudard na Conferência de Mulheres Verbo da Vida em Campina Grande-PB – Outubro 2018.

1 COMENTÁRIO

  1. Muito bom!! As mulheres dessa geração estão presas aos padrões de beleza impostos pela mídia, e isso tem destruído vidas. Nossos padrões são bíblicos e nossas irmãs precisam entender isso. Jesus abençoe!

DEIXE UMA RESPOSTA