Saiba Quando Desistir e Quando Insistir

Postado em
0

Por: Manassés Guerra

Na maior parte do tempo combatemos com os obstáculos por meio da persistência. Às vezes nos sentimos desencorajados e nos deparamos com conselhos do tipo “os vencedores nunca desistem”, e aqueles que desistem nunca vencem”. Mas vencedores desistem sim. O que faz a diferença é que eles sabem a hora certa de desistir.

Todo obstáculo pode ser visto como um desafio. Porém há desafios que não valem à pena, pois o resultado de superá-lo não recompensa a energia e recursos desprendidos. Portanto, aprenda a persistir quando deve fazer isso e também quando insistir é um erro.

É certo que as pessoas se acomodam e se satisfazem em ser menos do que são capazes. Não são poucos os que acreditam que podem fazer menos e param de melhorar algo antes que se torne realmente inesquecível. Contudo, outros insistem naquilo que nunca os tornará excelente no que faz.

Considere também que entre insistir e desistir, há, ainda, a opção de mudar: ideias, sentimentos, atitudes ou ponto vista. É, portanto, um investimento pessoal e com resultados que normalmente não vêm no curto prazo.

Insistir, persistir – não desistir – é uma qualidade de caráter. Desistir, por outro lado, é uma palavra forte para muitas pessoas e até mesmo vista como uma falha de caráter. Esta palavra está ligada à ideia de fracasso, de fraqueza, de incapacidade. Mas, em muitas circunstâncias na vida, desistir, pode ser a melhor saída para viver melhor. A desistência pode ser estratégica e é assim, para muitos, o segredo de ser bem sucedido em situações adversas especificas.

Salomão, em sua boa fase como sábio e Rei disse: “Vês a um homem perito na sua obra? Perante reis será posto; não entre a plebe.”¹. Mas, o próprio Salomão, nos dias de sua velhice, ponderando os erros e acerto que cometeu, diz: “O coração do sábio conhece o tempo e o modo”².

Investimos tempo e recursos para descobrirmos quem somos e até onde podemos ir. Mas, podemos ser influenciados também por padrões externos do que significa ser bem sucedido, e insistirmos em algo somente para alcançarmos o tão aclamado status de poder, riqueza e fama e, no final, amargarmos frustração.

As adversidades não podem simplesmente nos tirar dos trilhos e arruinar nossos sonhos, dedicação e conquistas. Todavia, na busca para ser o melhor, podemos insistir naquilo que pode nos tornar medíocres, induzidos pelo orgulho de não desistir, somente para “não dá o braço a torcer”.

Você não deve desistir de algo realmente promissor apenas porque não está conseguindo lidar com o estresse do momento. Porém, quando se está tentando ser bem sucedido, existem apenas três possibilidades: ficar para traz, avançar, ou ficar estagnado. Continuar mesmo sem progredir é uma perda de tempo, porque está lhe custando oportunidades.

Mais importante que apenas você tentar gerenciar os processos que já se desenvolvem na sua jornada, é você assumir a liderança da sua vida. Quando você se torna o líder, então você tem lucidez e ousadia para questionar os métodos, e definir o que vale a pena ser mantido e o que precisa ser mudado, ou até mesmo deixado de lado. Assim, você investe no seu objetivo de vida e nos seus valores supremos.

1 Provérbios 22.29 | 2 Eclesiastes 8.5

Do livro “Líder Para Voar” – Manassés Guerra

SEM COMENTÁRIOS

DEIXE UMA RESPOSTA