Um lugar chamado Cristo

Postado em
0
699

por Manasses Guerra 

Estou morando em um lugar onde as coisas realmente acontecem. Um lugar onde a alegria e a paz reinam absoluto. Neste lugar, a graça e a verdade se encontraram, a justiça e a paz se beijaram (Salmo 85.10). O amor, a fé, a esperança e todo poder e abundância de Deus permeiam as redondezas da minha habitação.

A vida abundante é o estilo de vida neste lugar tão gracioso. Aliás, Deus pessoalmente preparou este lugar e, muito antes da minha chegada, ele inundou este ambiente com todo tipo, ou toda sorte de bênção (Efésios 1.3).

Este é um lugar preparado para os filhos de Deus. Os anos, as estações, os dias, as horas se reúnem neste lugar, pois não existe um momento sequer, em que Deus não tenha estado antecipadamente, e preparado uma providência para quem experimenta viver neste ambiente espiritual.

Este é um lugar onde os anos que estão adiante de mim já me esperam. As eras por vir, já me aguardam.  O arrebatamento, o milênio, os novos céus e a nova terra. Ah! tudo já está lá. E é justamente, por isso, que não tenho medo algum com relação aos dias inesperados. Até o Dia do Senhor não será para mim como ladrão de noite: Mas vós, irmãos, não estais em trevas, para que esse Dia como ladrão vos apanhe de surpresa; porquanto vós todos sois filhos da luz e filhos do dia; nós não somos da noite, nem das trevas (I Tessalonicenses 5.5).

E porque estou aqui, já estou no lugar definitivo, de onde não preciso mais me ausentar. Quando eu chegar nas eras vindouras, descobrirei que já estava lá!

E no presente, sim, o presente pode ser vivido com intensa expectativa positiva.

Eu estava sem chão, sem teto, como quem despencava abismo abaixo. Mas, o meu Senhor me encontrou e disse: Espere aqui um pouco. Vou reorganizar o seu lugar original. Este lugar já está no Pai, é seu, e vou prepará-lo para você. E, quando eu preparar este lugar, volto imediatamente e levo você comigo. Eu e você seremos um e assim, onde eu estiver, você estará também (João 14.3).

Sim, este lugar já é o Reino tão aguardado! Então, eu vi com os meus próprios olhos, que o lugar para a minha plena felicidade, não está além da morte. E, na verdade, não é um lugar para onde eu vou, não é um lugar que está ali, ou além. Este lugar é aqui, é agora. É tão real quanto Aquele que vive para sempre. É ontem, hoje e eternamente.

Jesus disse que prepararia um lugar tal, no Pai, e que não somente ele desfrutaria de tão excelente morada, mas que também me levaria para estar com ele. E o meu Senhor foi, preparou o meu lugar, voltou e me levou com ele. Sim! Estou aqui neste planeta, mas no lugar de onde eu nunca deveria ter saído: a Sua presença!

E mais à frente, na mesa conversa, Jesus diz: Se alguém me ama, guardará a minha palavra… E meu Pai o amará, e viremos para ele e faremos nele morada (João 14.23). É isso! Neste lugar, eu e Deus somos um. Pertencemos um ao outro. A própria vida de Deus sustenta a minha existência.

O apóstolo Paulo, que compreendeu tão profundamente esta realidade, disse convictamente: E, juntamente com ele, nos ressuscitou, e nos fez assentar nos lugares celestiais em Cristo Jesus (Efésios 2.6). Você percebeu qual o lugar que Deus escolheu para nos fazer assentar triunfalmente? O mesmo lugar que ele abarrotou de bênçãos, antecipando-se a cada uma das minhas necessidades e carências – as regiões celestiais em Cristo.

Pois é, este lugar chama-se CRISTO. E nEle estou submerso e plenamente suprido, mas também revelado, manifestado ao mundo, para ser pleno no meu propósito para suprir tantos outros trazendo-os a Cristo.

Porque em Cristo habita corporalmente toda a plenitude da divindade, e, por estarem nele… vocês receberam toda plenitude (Colossenses 2.9).

SEM COMENTÁRIOS

DEIXE UMA RESPOSTA