A semente do poder

Postado em
1

MH-221 Gênesis 1 nos mostra um princípio estabelecido: a semente gera a árvore, a árvore ao fruto e o fruto abriga a semente. Essa semente é exatamente igual àquela que a gerou, e esse processo garante a continuação daquela espécie. O fruto, em si mesmo, dá a garantia que haverá novos frutos. Ainda sobre o fruto, lemos em Efésios uma oração feita pelo apóstolo Paulo aos cristãos:

“Para que saibais qual seja a esperança da sua vocação, e quais as riquezas da glória da sua herança nos santos; e qual a sobre excelente grandeza do seu poder sobre nós, os que cremos, segundo a operação da força do seu poder”. Como crentes, devemos orar dessa maneira. Precisamos ter entendimento sobre as coisas que precisam ser executadas no nosso chamado. Também necessitamos de entendimento sobre a herança que está disponível para que a desfrutemos.

Há ainda um detalhe, que é o fato de que existe um poder atuando dentro de nós, e esse é o poder que venceu a morte. Deus era visto como todo poderoso através do poder que usou para criar o mundo. Ele era Senhor porque havia feito tudo que existe! Mas, por meio da morte de Jesus, os homens puderam conhecer o poder de Deus num nível ainda maior:

Jesus Cristo ressuscitou! A morte não era mais invencível! O poder usado para revolucionar a história, tirar o domínio de Satanás para sempre, para libertar as pessoas e ressuscitar o Cristo é eficaz na nossa vida hoje! Em Hebreus 11 vemos que por meio da Palavra as coisas foram criadas.

Também vemos em 1 Pedro 1:23 que sua Palavra é uma semente que nos gerou. Como frutos dessa semente carregamos a mesma semente dentro de nós. Quando liberamos a Palavra de Deus seu poder vem atrás para torná-la cumprida. E como andamos em fé? Através de uma parábola Jesus ensinou que o reino dos céus é como uma semente que é plantada.

Quem planta vai dormir, e não sabendo como, ela germina. A atitude mais espiritual que podemos ter, em fé, é de descansarmos, dormirmos. A Palavra é poderosa e o Senhor vela para a cumpri-la.

 

1 COMENTÁRIO

  1. Bom dia, Pr. Marcos Junior!
    Tenho grande apreço por sua pessoa e ministério, pois, com seu crescimento tão rápido, físico e espiritual, fico desejando fazer essa parte que Paulo nos traz a respeito de sua reverência com a Palavra de Deus, “Sou judeu, nascido em Tarso da Cilícia, mas criado nesta cidade. Fui instruído rigorosamente por Gamaliel na lei de nossos antepassados, sendo tão zeloso por Deus quanto qualquer de vocês hoje. Atos 22:3
    Como sou enriquecida pelo seu ensino, sendo instruída na Lei de Cristo, cada vez que temos a oportunidade de ouvi-lo aqui na Sede. E quero lhe fazer uma pergunta sobre algo que ouvi ontem, em nosso culto das 18:00. Quando disse sobre 2 Tess 3:2 – Isso é real mesmo?!!! Não que eu tenha mais dúvidas, mas gostaria de ouvir seu ensino sobre isso.
    Fico no aguardo.
    Eliane Tavares (mãe de Carlos Arthur)

DEIXE UMA RESPOSTA