O Pai celestial

Postado em
0

por Perilo Borba

“porque, por ele, ambos temos acesso ao Pai em um Espírito. Assim, já não sois estrangeiros e peregrinos, mas concidadãos dos santos, e sois da família de Deus” (Efésios 2.18-19)

Jesus veio para nos tornar membros da Sua família. Você não é mais somente uma criatura de Deus, mas filho dEle. Passou a ter acesso ao Pai celestial.

Jesus nos fez filhos de Deus, numa filiação espiritual. Não somos mais escravos, temos um acesso de filhos dEle. (João 8.35)

“Vós fazeis as obras de vosso pai. Disseram-lhe eles: Nós não somos bastardos; temos um pai,  que é Deus. Replicou-lhes Jesus: Se Deus fosse, de fato, vosso pai, certamente, me havíeis de amar; porque eu vim de Deus e aqui estou; pois não vim de mim mesmo, mas ele me enviou” (João 8.41-42)

Neste mesmo capítulo (v.44) Jesus também diz: Vós sois do Diabo, que é vosso pai”. Ele quis dizer que ou nós temos uma filiação, a de Deus, ou outra, a do Diabo.

O Diabo trabalha muito para tirar das pessoas a figura masculina de um Pai. Vemos o aumento de divórcios, por exemplo. Crescer sem a visão do que é um pai dificulta para que as pessoas vejam Deus como um Pai.

Deus LHe ama e tem cuidado de você. Deus nunca esqueceu de você. Mesmo que seu pai ou sua mãe tenha LHe abandonado, Deus nunca vai LHe abandonar.

“Acaso, pode uma mulher esquecer-se do filho que ainda mama, de sorte que não se compadeça do filho do seu ventre? Mas ainda que esta viesse a se esquecer dele, eu, todavia, não me esquecerei de ti” (Isaías 49.15)

“Como alguém a quem sua mãe consola, assim eu vos consolarei; e em Jerusalém vós sereis consolados”(Isaías 66.13)

Dizem que o amor de mãe é o maior amor de todos e, nestes versículos, Deus se compara também à uma mãe que dá proteção, cuidado e provisão. Você não está sozinho. Ainda que você tenha um exemplo de pai e mãe em casa, Deus supera.

Se naturalmente falando, um homem e uma mulher se esforçam para dar o melhor para seus filhos, quanto mais Deus. Ele tem o melhor para você porque é um bom Pai.

Vamos analisar a oração do Pai Nosso (Mateus 6.9 – 13):

“Santificado seja o teu nome” (v. 9):  Jesus exalta o caráter de Deus. Nada deixa alguém mais bonito do que a sua santidade. Ele é perfeito e a palavra perfeito diz respeito à maturidade. Quanto mais crescemos espiritualmente, mas parecidos com Deus a gente fica. Ficamos cada vez mais a cara do Pai: santos, corretos, puros, perfeitos, pois o nosso Pai é perfeito!

“Seja feita a Tua vontade” (v.10): Os planos do Pai são perfeitos. Ele é onisciente, onipresente e onipotente. O pensamentos de Deus são melhores do que qualquer pai poderia ter. Existem desejos dentro de nós que Ele mesmo nos deu, mas Ele mesmo nos leva a realizar.

“O pão nosso de cada dia nos dai hoje” (v.11): A provisão do Pai é completa e Ele não nos deixa faltar nada.  Ele há de suprir cada uma de nossas necessidades. (Filipenses 4.18)  

“Não andeis, pois, inquietos, dizendo: Que comeremos, ou que beberemos, ou com que nos vestiremos? Porque todas estas coisas os gentios procuram. Decerto vosso Pai celestial bem sabe que necessitais de todas estas coisas” (Mateus 6.31-32)

Preocupação não agrada a Deus. Um filho deve confiar plenamente no pai. Busque Deus em primeiro lugar e Ele cuidará de você. Deus é seu Pai! Você só precisa deixar Ele cuidar e confiar nEle.

“Perdoai as nossas dívidas” (v.12): Esse trecho fala sobre a misericórdia do Pai. Lucas 6. 36 diz que Ele é misericordioso. Jesus expressou essa misericórdia divina enquanto esteve qui na terra. Não importa o que você tem feito contra Deus, Ele está pronto para te receber de volta e te perdoar, porque Ele é seu Pai.

“Livra-nos do mal” (v.13): Isto se refere à proteção do Pai. Se apegue a Deus em amor. Esteja perto dEle, na Sua zona de proteção; assim, Ele poderá te guardar. Muitas vezes, esse livramento de Deus também virá através de uma correção. Um repreensão, por mais dura que possa ser, é um livramento. Um pai não fica olhando o filho colocar o dedo na tomada e achando bonitinho. Ele vai lá e corrige!

“porque o Senhor corrige a quem ama e açoita a todo filho a quem recebe” (Hebreus. 12.6) Se você quer ser filho, precisa aceitar a correção de Deus, senão será como um bastardo.

Ao mesmo tempo, muitos pensam que neste versículo Deus está falando que irá castigar seus filhos. Mas Deus não vai corrigir você com ferramentas do Diabo, porque Ele não é mal. Sua correção virá pela Palavra, por um irmão. Ele sempre usará ferramentas de amor.“então, punirei com vara as suas transgressões e com açoites, a sua iniquidade. Mas jamais retirarei dele a minha bondade, nem desmentirei a minha fidelidade” (Salmo 89.32-33)

No dia em que meu filho nasceu, recebi uma mensagem de um grande amigo chamado Alexandre Magalhães me marcou muito.  Quero que você leia com atenção:

 

Olá Perilo, graça e paz. Fiquei sabendo do nascimento do seu filho. Parabéns! Cara, esse é um momento ímpar em nossa vida. Não vou repetir o que você já deve ter ouvido de muitas pessoas, mas quero compartilhar o que aconteceu comigo quando me tornei pai. Cara, a gente pensa que sabe ou entende sobre o amor de Deus, mas essa percepção só chega para valer em nossas vidas quando passamos a ter um filho. Antes disso, é falar da teoria. É como querer passar a fome só lendo o cardápio e imaginando a comida.

 Perilo, Estêvão não lhe conhece, não sabe ainda quem é você, ele não sabe demonstrar carinho, amor, respeito, etc. Mas, você o ama! Ele não sabe retribuir seu amor por ele, mas você não tá nem aí, você o ama e não busca a retribuição dele, não recebe nada em troca e você continua amando…

Acho que você já se pegou olhando para ele e começou a rir sozinho, ele nem fez graça, mas você olhou e riu. E sabe de uma coisa? Você já deve ter tentado ajeitar ele, para melhor acomodá-lo, colocar um “paninho”, cobrir ele, posicioná-lo no berço, etc. E ele nem viu e nem sabe que você fez isso, mas você fez! E ele nem agradeceu e nem vai agradecer por isso, mas você fez e continuará fazendo. Você o ama! 

Quando ele tiver dormindo, você vai ficar olhando pra ele, mesmo sem ele saber que você está ali e sem ter pedido que você ficasse com ele, mas você vai estar lá, ao seu lado e com enorme cuidado para não acordá-lo. Ele nunca saberá ou lembrará disso, mas você vai fazer mesmo assim, pois você o ama! Se por acaso ver algum pernilongo por perto, coitado do pernilongo! Kkkk A guerra foi declarada! Você só vai sossegar quando matá-lo, e ainda vai ficar por alguns minutos olhando se não tem outro… Disso, Estêvão também não se dará conta, nem saberá do livramento que você deu para ele. Um dia ele vai te chamar de herói, mas não por isso. Um dia ele vai pensar que você é o cara mais forte e mais corajoso do mundo… Mas, não porque matou um pernilongo 

Perilo isso é só o começo… Mas, lembre-se de que esse é o amor de um pai natural, aquele que Jesus falou que, mesmo sendo falho, saberia dar boas coisas aos filhos. Por isso, agora sim você vai passar a entender mais sobre o amor do Pai, porque você começou a praticar esse nível de amor!

Grande abraço!

Sinta-se amado, cuidado e protegido. Ele nunca te abandona. Você é filho de Deus! Seus pais naturais podem não ter sabido te amar como deveriam, mas Deus sempre esteve com você, sempre lhe amou.
 
 
Fonte: Texto retirado do Site da Igreja Verbo da Vida em Campina Grande-PB. 

SEM COMENTÁRIOS

DEIXE UMA RESPOSTA