Seja homem

Postado em
1

“Aproximando-se os dias da morte de Davi, deu ele ordens a Salomão, seu filho, dizendo: Eu vou pelo caminho de todos os mortais. Coragem, pois, e sê homem! Guarda os preceitos do Senhor, teu Deus, para andares nos seus caminhos, para guardares os seus estatutos, e os seus mandamentos, e os seus juízos, e os seus testemunhos, como está escrito na Lei de Moisés, para que prosperes em tudo quanto fizeres e por onde quer que fores(1 Reis 2.1-3).

O tema dessa mensagem é: Sê homem. Quantos concordam que essa é a vontade de Deus para as nossas vidas? Prosperarmos em tudo o que fizermos e para onde nós formos. Seja homem, aja como homem, mostre-se um homem. 

Interessante Davi ter dito isso a Salomão: seja homem. Será que Salomão não era um? Todos nós nascemos homem. Deus criou macho e fêmea. Você precisa ser aquilo que você foi criado para ser. Eu preciso ser, eu fui criado para ser!

Existem coisas que não são para homem. A palavra de Deus nos ensina alguns padrões da vontade de Deus, princípios divinos, para nós homens. Em Êxodo 18.21 vemos Jetro dando conselho maravilhoso para Moisés.

“Procura dentre o povo homens capazes, tementes a Deus, homens de verdade, que aborreçam a avareza; põe-nos sobre eles por chefes de mil, chefes de cem, chefes de cinquenta e chefes de dez”

Vemos aqui um padrão de um homem que Deus pode levantar. Homens cheios do Espírito e cheios da palavra, e também a boa reputação. Homens de verdade, diz respeito a sua palavra. Eu me lembro do meu avô dizer algumas vezes: esse aí é um homem. Isso dizia a respeito de alguém que tinha credibilidade, alguém que se podia confiar. 

Interessante esse versículo, porque ele nos ensina que os homens de verdade estão no meio do povo. Todos nós temos a responsabilidade de sermos um homem referencial. Um homem capaz que tenha habilidades, talentos, conhecimento, capacidade de fazer alguma coisa, trabalhador, temente a Deus, homem que reverencia a Presença de Deus. Homem que procura viver os princípios da Palavra de Deus. Homem que não é avarento. Um homem doador, generoso, íntegro, homem que vai ter uma boa reputação. Que vai fazer a diferença aonde ele está. 

Como está o seu nome na praça? A palavra de Deus nos exorta ao bom testemunho. Antes de falar do bom testemunho dos de fora, ele fala de governar bem dentro de casa, um bom testemunho dentro de casa. Nosso bom testemunho e a nossa boa reputação tem que começar em casa. 

Noé foi achado por Deus íntegro em toda uma geração. Noé tinha um bom testemunho em casa. Deus só falou com Noé e não com a sua família. Porque Deus não falou com a mulher de Noé. Neste momento não era necessário. Noé tinha autoridade sobre a sua casa. E quando ele falou para a família que precisava construir a arca, todos acreditaram nele. Por causa da sua integridade e do seu bom testemunho. Passou anos fazendo a arca, empenhados fazendo a vontade de Deus, ele tinha credibilidade suficiente para fazer com que a sua família o seguisse. Precisamos ter essa mesma credibilidade, em casa e fora de casa, homens de verdade, referenciais, influenciando nossa sociedade. A palavra de Deus em Mateus 5.9 diz: Bem-aventurados os pacificadores, porque serão chamados filhos de Deus.

Eu e você precisamos ser pacificadores. Homem de Deus é um homem pacificador. Se necessário até mantenha a calma para manter a paz. A palavra de Deus também diz em 1 Coríntios 10.33: assim como também eu procuro, em tudo, ser agradável a todos, não buscando o meu próprio interesse, mas o de muitos, para que sejam salvos.

Pessoas agradáveis, fáceis de se relacionar, sem dificuldades de relacionamento. O que você faz dentro de casa afeta a sua família inteira. Reagir como homem de Deus e andar em amor como homem de Deus na sua casa, vai lhe dar uma boa reputação dentro do seu lar. 

A bondade e a fidelidade são características de homem de Deus, isso deve seguir a sua vida. Com quem você se acompanha, vai dizer muito também a seu respeito. Não se esqueça do que está escrito em Provérbios 13:20: Quem anda com os sábios será sábio, mas o companheiro dos insensatos se tornará mau. 

Com quem você anda vai afetar a sua vida. Cuidado com quem você anda, o que você conversa e com quem você conversa. 

“Sou grato para com aquele que me fortaleceu, Cristo Jesus, nosso Senhor, que me considerou fiel, designando-me para o ministério, a mim, que, noutro tempo, era blasfemo, e perseguidor, e insolente. Mas obtive misericórdia, pois o fiz na ignorância, na incredulidade. Transbordou, porém, a graça de nosso Senhor com a fé e o amor que há em Cristo Jesus. Fiel é a palavra e digna de toda aceitação: que Cristo Jesus veio ao mundo para salvar os pecadores, dos quais eu sou o principal. Mas, por esta mesma razão, me foi concedida misericórdia, para que, em mim, o principal, evidenciasse Jesus Cristo a sua completa longanimidade, e servisse eu de modelo a quantos hão de crer nele para a vida eterna” (1 Timóteo 1.12-16).

Precisamos ter cuidado para não ver como Saulo quando Deus já estava vendo como Paulo. A graça de Deus se manifestou e nos educa. Precisamos nos apropriar dessa graça. Você é da família de Deus e precisa mudar da forma de agir, tratar e se manifestar. Homem de amor, paciente, pacificador, que frutifica o fruto do Espírito. Paulo se apropria da graça e diz que pela graça de Deus: sou o que sou. Você precisa trabalhar, se esforçar para ser um homem de Deus, fazer a diferença nesse mundo.

Você será um modelo onde você está a partir de sua casa. Um modelo de um homem de verdade, um homem de Deus. Quando Jesus entrou na casa de Zaqueu, as pessoas falaram mal de Jesus, porque entrou na casa de um pecador. Jesus evidenciou a mudança de Zaqueu. As pessoas viram após a palavra em Zaqueu, os frutos do arrependimento e da mudança em sua vida. Onde você estiver você vai fazer a diferença e o nome de Deus será glorificado através da sua vida. Seremos homens segundo o padrão de Deus. Deus espera por nós. Deus espera que você seja um homem de verdade para fazer muita coisa daquilo que Ele prometeu para a sua vida. 

“Esta é a gênese dos céus e da terra quando foram criados, quando o Senhor Deus os criou.

Não havia ainda nenhuma planta do campo na terra, pois ainda nenhuma erva do campo havia brotado; porque o Senhor Deus não fizera chover sobre a terra, e também não havia homem para lavrar o solo” (Gênesis 2.4-5).

*Trechos da Ministração do Pr. Perilo Borba na Conferência de Homens 2020

1 COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA