A enfermidade glorifica a Deus?

Postado em
1

BANNER MARCELO SARAIVA_4Essa pergunta ainda está sem resposta na mente de alguns cristãos. Como resultado da interpretação equivocada de alguns textos bíblicos,, muitos filhos de Deus são privados de suas bênçãos em Cristo Jesus, inclusive a cura.

Uma regra de interpretação bíblica que muitos não entendem é que não podemos tirar um texto isolado do assunto.

O assunto do Novo Testamento inteiro apresenta Jesus fazendo o bem e curando todos os oprimidos pelo diabo.

Esse é o contexto do Novo Testamento, Jesus curando, expelindo demônios, perdoando pecados, alimentando as multidões, ressuscitando os mortos, trazendo alegria e paz aos corações. Não há nem um registro de que Jesus tenha danificado a vida de alguém ou mesmo oprimido qualquer pessoa.

Todos que chegavam ao Mestre com o coração “aberto” eram alcançados pela graça do Pai. Somente os religiosos e opositores da época deixavam de ser abençoados.

Uma passagem Bíblica que é distorcida ao ponto de muitos questionarem a bondade e amor de Deus é um texto que se encontra no evangelho de João, quando Jesus e seus discípulos se deparam com um homem cego vejamos:

Caminhando Jesus, viu um homem cego de nascença. E os seus discípulos perguntaram: Mestre, quem pecou, este ou seus pais, para que nascesse cego? Respondeu Jesus: Nem ele pecou, nem seus pais; mas foi para que se manifestem nele as obras de Deus. João 9.1-3

A conclusão que alguns dão a essa passagem é: “Ele nasceu assim para Deus ser glorificado”. Ou entãodizem que Deus é glorificado pela enfermidade e citam areferida passagem de João. Mas quando olhamos para o Novo Testamento percebemos que, o que glorificava a Deus não era a enfermidade, mas a cura das enfermidades.

Sim encontramos várias passagens em que Deus era glorificado, mas sempre em conexão com a solução dos problemas.

Outra versão do mesmo texto traz mais luz ao assunto vejamos:

Jesus respondeu: “Nem ele, nem seus pais pecaram, mas é uma ocasião para que se manifestem nele as obras de Deus”. João 9.3 CNBB

Os discípulos tinham entendimento parcial sobre o assunto de pecado, doença e cura, então perguntaram.

Observe que o Senhor Jesus não entrou no mérito de quem pecou,o que aconteceu, pois se Ele fosse explicar tudo o que aconteceu desde o Éden quando Adão entregou o “domínio” da terra até os dias atuais levaria muito tempo e o intuito de Jesus naquele momento era ministrar a vontade de Deus, que é curar os oprimidos do diabo

O que glorifica a Deus não é o problema, mas a solução dos problemas. 

Lucas 5.25 …

Imediatamente, se levantou diante deles e, tomando o leito em que permanecera deitado, voltou para casa, glorificando a Deus”.

Lucas 7.16

Todos ficaram possuídos de temor e glorificavam a Deus, dizendo: Grande profeta se levantou entre nós; e: Deus visitou o seu povo.

Lucas 18.43

“Imediatamente, tornou a ver e seguia-o glorificando a Deus. Também todo o povo, vendo isto, dava louvores a Deus”.

Nos textos acima citados percebe-se que o que dava glória a Deus era a solução de cada um dos problemas.

Observemos os hospitais ou casas de misericórdia, quando um doente entra nesses ambientes não se vê os médicos, enfermeiras ou atendentes glorificados a Deus, dizendo “Glória a Deus mais um doente entrou aqui, aleluia, louvado seja o Senhor”.

Pelo contrário a doença é motivo para tristeza, mas a cura é motiva para alegria e glória a Deus.

Leia o Novo Testamento e você perceberá que Deus era glorificado quando alguém era curado, ressuscitado ou mesmo liberto de demônios.

1 COMENTÁRIO

  1. oi Marcelo. também creio que Deus é glorificado pela cura não pela enfermidade.muito me entristece quando ouço alguém dizer que é doente pela vontade de Deus, se ele é cura como pode ser ao contrario. que comunhão pode der a luz com as trevas, Deus com o diabo. dizem que é a vida que devemos nos conformar, e assim matam nossa esperança no Deus do impossível.eu não quero e nem vou acreditar que ele é um pai mal que castiga seus filho lhe fazendo enfermar. meu pai é Amor.
    Desculpe o desabafo! estou passando por provações neste sentido. Que Deus te abençoe.Amem

DEIXE UMA RESPOSTA