Como Jesus

Postado em
1

por Marcelo Saraiva

*Trecho de mensagem na Igreja Verbo da Vida em Mesquita, Rio de Janeiro-RJ

Você não é um espectador, você faz parte do crescimento da Igreja.

“Mas agora obteve Jesus ministério tanto mais excelente, quanto é Ele mesmo mediador de superior aliança instituída com base em superiores promessas” (Hebreus 8.6).

Essa palavra “superior”, no grego é kreitton que significa: “Mais útil, Mais vantajoso, Mais aproveitável, Mais excelente”, portanto melhor. O que esse texto está dizendo, bem como inúmeras passagens do Novo Testamento, é que aquilo que Jesus obteve, para mim e para você, é superior aquilo que os personagens do Antigo Testamento desfrutaram. A vida que Jesus obteve, as bênçãos, as promessas são superiores, porque são baseadas em um sacrifício superior com promessas superiores.

O motivo pelo qual muitos cristãos, muitas pessoas que já nasceram de novo, não estão desfrutando dessa vida superior, é porque não estão olhando para o exemplo correto. Como assim? Eu costumo dizer que o foco de alguns está desregulado.

Eu lembro que uma vez quando eu estava pastoreando lá em Ribeirão Preto, São Paulo, eu decidi falar sobre algumas matérias do Rhema nas Quintas-feiras. Lá em Ribeiro Preto ainda não tinha o Rhema, então, eu decidi nas ensinar algumas matérias do Rhema. Eu estava ensinando sobre realidades da nova criação, e estava enfatizando algumas preposições do Novo Testamento. Paulo disse: “Eu fui crucificado com Cristo”, a Bíblia diz, que fomos crucificados com Cristo, nós morremos com Cristo, fomos sepultados com Cristo, fomos ressuscitados com Cristo e assentados com Cristo. Falando dessas preposições: “com Ele, nEle, através dEle, com Cristo”, e uma irmã que estava visitando esse grupo me interrompeu: “espera aí pastor, até agora o senhor só fala de Jesus, com Ele, por Ele, por meio dEle, através dEle, com Cristo, eu sou crente há 32 anos, sou professora de crianças, e quando eu vou ensinar falo sobre Sansão, falo sobre Abraão, falo sobre Davi”. Eu disse a ela: “Irmã, tudo que esses personagens do Velho Testamento alcançaram em Deus, tem o seu louvor, tem a sua virtude, porém o que Cristo fez excede a eles e muito. Nunca ouve ninguém mais consagrado do que Jesus, nunca ouve ninguém mais obediente do que Jesus”.

Sabe o que eu percebi? O referencial de vida para muitos, deixou de ser Jesus e passou a ser outros personagens da Bíblia. E eu pergunto que tipo de cristianismo é esse? As pessoas imitam muito mais os outros, do que Jesus? que estranho cristianismo é esse? Realmente será que somos cristãos?

Sabe qual é o slogan de alguns? “Eu queria ter o coração de Davi a força de Sansão e a paciência de Jó”. Não irmãos, eu quero ser como Jesus foi. Quero andar como Ele andou, quero falar o que Ele falou. Lamentavelmente o referencial de vida, de conduta, de comunhão e adoração, para alguns cristãos, deixou de ser Jesus, e passou a ser outras pessoas. Eu quero que você entenda que Jesus não é mais um dentre a multidão, Ele é o caminho, Ele é a verdade Ele é a vida. Eis o motivo pelo qual algumas pessoas não estão descobrindo, ou desfrutando dessas realidades, ou dessa vida superior: porque procuram muito mais imitar os outros do que Jesus. Jesus nos deixou disponível uma vida superior.

“Para que o coração deles seja confortado e vinculado juntamente em amor, e eles tenham toda a riqueza da forte convicção do entendimento, para compreenderem plenamente o mistério de Deus, Cristo. Em quem todos os tesouros da sabedoria e do conhecimento estão ocultos” (Colossenses 2.2-3).

Quando a Vida de Deus chega, torna as pessoas sabidas.

1 COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA