Como testemunhar a respeito do Espírito Santo

Postado em
0

Por: Kenneth Hagin

Eu acredito que quando todos virem a realidade do novo nascimento, todos vão querer. Em testemunhar para sua família, o Senhor pode te guiar de uma forma diferente da que Ele me guia. E isso está tudo bem. Mas lidando com minha família, eu nunca tentei fazê-los nascer de novo. Eu dizia para eu mesmo, eu acredito que quando eles virem a realidade de nascer de novo, todos eles vão querer.

E cada um deles nasceu de novo. Todos eles viram a realidade disso! A mesma coisa deve ser verdade a respeito do Espírito Santo. Não é apenas uma experiência para receber algo para desfrutar por um momento. É uma capacitação de poder para o serviço! A diferença em nosso serviço para Cristo deve ser visto depois de sermos batizados pelo Espírito Santo. Vamos discutir dois exemplos bíblicos simples que podemos compartilhar com nossos entes queridos a respeito do batismo do Espírito Santo.

No dia de Pentecostes, cristãos estavam reunidos em uma casa quando eles ouviram o que soava como um vento veemente e impetuoso. Encheu a casa onde eles estavam reunidos. As Escrituras nos dizem que todos eles foram cheios do Espírito Santo e começaram a falar em outras línguas (Atos 2:1-4).

Esta experiência é chamada ser cheio do Espírito Santo. João profetizou, “Eu vos batizo com água, para arrependimento; mas aquele que vem depois de mim… Ele vos batizará com o Espírito Santo e com fogo” (Mateus 3:11 veja também Lucas 3:16). Olhando para esta experiência de um ponto de vista do que Jesus faz, alguém é batizado com o Espírito Santo. Olhando do ponto de vista do cristão, alguém recebe o Espírito Santo ou é cheio do Espírito Santo.

Diferentes manifestações na Bíblia toda vez que alguém teve esta experiência pentecostal depois do dia de Pentecostes, nenhuma referência foi feita a respeito do vento veemente e impetuoso, apesar de que isto poderia e pode acontecer. E nada mais é dito a respeito das línguas “como que de fogo” aparecendo e pousando sobre os cristãos. Mas as Escrituras se referem aos cristãos falando em outras línguas.

Essas outras manifestações espetaculares podem acompanhar o batismo no Espírito Santo ou não podem. Mas alguém deve ter expectativa de falar em outras línguas acompanhando o batismo porque nós vemos isso acontecendo repetidamente no livro de Atos.

Uma experiência separada mesmo que o Espírito Santo esteja trabalhando no novo nascimento e entre o cristão neste momento, nós não chamamos o novo nascimento “recebendo o Espírito Santo”. O novo nascimento é chamado “recebendo a Cristo”. De acordo com Atos 8:5 Felipe pregou a Cristo para os samaritanos. Ele não pregou o Espírito Santo a eles. Atos 8:14 diz “Ouvindo os apóstolos, que estavam em Jerusalém, que Samaria recebera a palavra de Deus, enviaram-lhe Pedro e João”.

Quem é a Palavra de Deus? Jesus é (João 1:1, 14) I Pedro 1:23 diz, “Pois fostes regenerados não de semente corruptível, mas de incorruptível, mediante a PALAVRA DE DEUS, a qual vive e é permanente. Os samaritanos nasceram de novo por causa desta Palavra. E Jesus disse, “O que é nascido do Espírito é espírito”. Estes samaritanos foram nascidos do Espírito, mesmo que o Espírito não seja mencionado até versículo 15. Nós não oramos para os pecadores receberem o Espírito Santo.

Nós oramos para eles receberem a Cristo. E quando eles recebem a Cristo, o Espírito de Cristo – que é o Espírito Santo – vem para o corações deles. Tem que ser assim, porque Paulo disse “E, se alguém não tem o Espírito de Cristo, esse tal não é dele” Romanos 8:9. Estas são duas verdades bíblicas que podem iluminar as pessoas que amamos a respeito do batismo no Espírito Santo. Estes versículos podem abrir a porta para eles receberem o Espírito Santo – uma capacitação do poder para o serviço.

SEM COMENTÁRIOS

DEIXE UMA RESPOSTA