Falando sobre a ansiedade

Postado em
0

por Edilson de Lira

Precisamos aprender a voltar aos fundamentos da Palavra, nada fica estável se não tiver uma boa fundação. Muitas vezes, estamos muito preocupados com o que vamos comer, com a dieta que vamos fazer, quais alimentos são bons e quais fazem mal a sua saúde. Mas, se você entendesse o dano que um sentimento errado faz, você faria um cardápio dos sentimentos. Que tal você ter uma dieta equilibrada de emoções, de pensamentos?

Eu preciso fazer um cardápio emocional adequado. Comer errado não lhe faz ter um infarto amanhã, mas será a longo prazo, da mesma forma é a emoção errada, ela vai lhe destruindo. A comida errada que você comeu semana passada não pode sair mais, o dano já está feito, o que pode ser feito é colocar um alimento bom, da mesma forma é o pensamento, você pode substituir a emoção errada por uma certa.

Quero falar especificamente de um alimento da alma, a ansiedade. A ansiedade não é em todo ruim. Existe um certo tipo de ansiedade que é positiva, que estimula você a fazer coisas novas, que faz você se preparar. Sendo dosada corretamente, a ansiedade lhe canaliza a ter uma atitude correta, mas existe uma fronteira em que ela se torna destrutiva, no qual, ao invés de lhe estimular, ela vai lhe paralisar. Um exemplo é durante um assalto e você sentir medo, mas a ansiedade é o medo de um possível assalto.

Medo é o oposto de fé

“Até quando te esquecerás de mim, SENHOR? Para sempre? Até quando esconderás de mim o teu rosto?” (Salmos 13.1)

Ansiedade é a falta de entendimento da Presença de Deus em você. Ansiedade é o medo irreal que é colocado dentro de você. Existem algumas causas para a ansiedade. Uma grande causa é uma decepção, outra causa é a preocupação com erros do passado, o lugar mais perigoso para alguém viver é no passado, pois ele paralisa o presente. O Diabo gosta de usar o seu passado para paralisar o seu presente, ele vai olhar para você e dizer “eu sei o que você fez no verão passado”, mas Deus gosta de usar o seu futuro para acelerar o seu presente, isso se chama profecia. Deus é onipotente, onipresente e onisciente e, eu vou criar outro termo, Ele é “onitemporal”, Ele conhece o seu passado, futuro e presente. Deus conhece o seu presente como você conhece o seu passado. Sei que muitas vezes quando você está tentando fazer algo alguém vai dizer “você não lembra de onde veio, não?” sabe o que você vai dizer? “é exatamente isso que estou fazendo, esquecendo as coisas que para trás ficaram”.  

Não viva no passado, você já foi perdoado.

Uma outra coisa que nos deixa ansiosos é a incerteza com relação ao futuro.

Você precisa aprender a buscar o Reino de Deus, mas sabe qual o problema da gente? Nós criamos um plano e queremos que Deus o abençoe, mas ao invés de pedir para que Deus abençoe os seus planos, peça a Ele os planos dEle, pois estes planos já estão abençoados. Quando você está debaixo do plano de Deus, Ele é o mais interessado em patrocinar. Quando você está no meio do propósito de Deus Ele irá patrocinar, Ele sabe quantas pessoas são necessárias, Ele sabe do que você precisa. 

Outra coisa que traz ansiedade para nossa vida se chama desafios. Um exemplo de uma pessoa que lidou com os desafios na Bíblia foi Josafá (II Crônicas 20.12). Não é pecado não saber o que fazer em algumas circunstâncias, mas o que você faz quando não sabe o que fazer? O que você precisa entender quando você não sabe o que fazer é saber quem está com você. Paz não é a ausência de algo, é a presença de Alguém. A paz não espera as coisas saírem, a paz é a presença de alguém. Josafá disse que não sabia o que fazer, mas que sabia com quem estava.

A última coisa que gera ansiedade é comparação. Muitas vezes nós estamos bem até ver a pessoa que está do nosso lado. Precisamos saber que ansiedade não têm nada ver com algo existir ou deixar de existir, mas ansiedade é fruto da falta de reconhecimento de que Deus está dentro de você. Precisamos aprender a reconhecer a presença de Deus em nossas vidas.

Quando começamos a mergulhar nesta presença, neste relacionamento, vamos começar a andar debaixo de uma visão. Se você não tiver uma visão você vai ficar focado nas suas necessidades. Em geral, a visão que Deus deu é maior que o patamar de provisão que está na sua frente. Muitas pessoas se perguntam o porquê de coisas terem acontecido e o seu passado pode até ser a justificativa para você estar onde está hoje, mas não pode ser uma desculpa para permanecer nele.

Não use sua energia para entender o seu passado, use para entender o seu futuro. A ferramenta de Deus não é o seu passado, é o seu futuro.

*Texto retirado do Site da Igreja Verbo da Vida Sede em Campina Grande-PB 

SEM COMENTÁRIOS

DEIXE UMA RESPOSTA