2 DE NOVEMBRO – A fé liberada

Postado em
0
697

 

Porque em verdade vos digo que qualquer que disser a este monte: Ergue-te e lança-te no mar, e não duvidar em seu coração, mas crer que se fará aquilo que diz, tudo o que disser lhe será feito. Por isso, vos digo que tudo o que pedirdes, orando, crede que o recebereis e tê-lo-eis. MARCOS 11.23,24

Há muitos anos, depois de passar o dia todo orando na igreja, esperando em Deus, lendo a Sua Palavra e meditando nela, deitei-me no carpete em frente ao altar. Mentalmente falando, chegara à condição de ter quietude perfeita. Naquele momento, ouvi Deus falar comigo de uma forma que eu jamais experimentara.

Ele disse: “Você já notou que, em Marcos 11.23, o verbo dizer aparece várias vezes, ao passo que o verbo crer é usado apenas uma?”

Sentei-me e respondi, em alta voz: “Não, nunca notei isso!” E nem se pode imaginar quantas centenas de vezes eu já havia citado aquele versículo!

Então, o Senhor disse: “Meu povo não está perdendo isso apenas em sua maneira de crer, mas de falar. Os cristãos já foram ensinados a crer, mas a fé precisa ser liberada através do pronunciar das palavras. Recebem aquilo que dizem”.

Ele acrescentou: “Para levar os crentes a perceberem isso, você precisará dar mais ênfase, em seu ensino, ao dizer do que ao crer”.

Confissão: “Recebo aquilo que digo. Libero a minha fé em palavras”.

SEM COMENTÁRIOS

DEIXE UMA RESPOSTA