Coitado de Quem?

Postado em
1
466

Por Laís Souza
(Membro da Igreja Verbo da Vida sede em Campina Grande-PB)

Você já teve a sensação de que a vida dos outros é mais fácil – ou até melhor – do que a sua? Já se sentiu como vítima e pensou que ninguém entende os seus problemas? Se pensamentos assim rodeiam as nossas mentes, é preciso ter cuidado. O hábito de estar sempre se diminuindo e reclamando pode nos tornar pessoas tristes, inseguras e desmotivadas. Isso também pode afetar a nossa saúde e ajudar a desencadear doenças como a depressão.

Ninguém quer viver dessa maneira. Mas, como mudar pensamentos? Eles parecem ser uma resposta natural aos problemas, algo automático que surge em nossas cabeças. A boa notícia é que podemos, sim, desenvolver uma nova forma de pensar. E Deus nos ajuda nisto! Se os pensamentos que nos acompanham estão errados, significa que há uma forma certa de pensar. Deus nos explica qual é em Sua Palavra:

“ […] O melhor que vocês têm a fazer é encher a mente e o pensamento com coisas verdadeiras, nobres, respeitáveis, autênticas, úteis, graciosas – o melhor, não o pior; o belo, não o feio. Coisas para elogiar, não amaldiçoar”. (Filipenses 4. 8 e 9 –  A Mensagem).

Nenhum livro ou programa motivacional vai reunir todas essas coisas como a Palavra de Deus. Ainda que contenham bons princípios e informações, a plenitude das coisas verdadeiras está junto ao Senhor.

João já dizia “[…] Esta Palavra é a Verdade” (João 17.7)Conhecereis a Verdade e a Verdade os libertará” (João 8.32). A verdade diz que não somos coitados, nunca, em nenhuma circunstância. Somos mais do que vencedores (Romanos 8.37) e maior é o que habita em nós do que o que está no mundo (I João 4.4).  A verdade diz que o Senhor está conosco na adversidade (Salmos 91.15) e que Ele sabe quais as nossas necessidades antes de pedirmos (Mateus 6.8). Se falam mal de nós injustamente, a verdade diz que pelos frutos seremos conhecidos (Mateus 7.20) e que Deus é a nossa justiça (Salmos 103.6). A Bíblia é um extenso relato sobre como somos amados e não estamos sozinhos. A verdade que não nos define como desprezados e solitários

Focar nesses pensamentos gerará fé em nossos corações e mudará a nossa perspectiva de vida. Finalmente, seremos capazes de demonstrar contentamento em qualquer situação (Filipenses 4.11). Seremos pessoas que transmitem palavras de encorajamento e não de desânimo aos que estiverem junto a nós. Viveremos dias melhores na terra.

Se hoje você não consegue pensar assim, há uma boa nova: Precisamos nos dedicar a encher as nossas mentes e corações com Sua Palavra (Romanos 12.2)! Quando isso acontecer, esteja pronto para ver todas as áreas da sua vida serem renovadas também sob a Sua majestosa benção.

Finalizo com dicas:

– Em sua Bíblia, procure marcar as passagens que falam sobre a sua identidade em Cristo. Você pode usá-las para meditação  e confissão diariamente;

– Para ajudar no estudo sobre como guardar a sua mente, alguns livros podem ajudá-lo. Boas sugestões são “Dominando o Silêncio”, do Rev. Doug Jones e “Pensamento Certo e Errado”, de Kenneth E. Hagin.

*Fonte: Texto retirado do site da Igreja Vero da Vida sede em Campina Grande-PB.

1 COMENTÁRIO

  1. Excelente meditação, quando conhecemos esta palavra que nos liberta, verdadeiramente somos livres, mais felizes e com a certeza que temos um PAI maravilhoso que cuida de cada detalhe. Desta forma somos cuidados pelo amor de Cristo, não coitados para nos sentirmos deprimidos por qualquer circunstâncias que nos venham debater.

    Amo Cristo, amo esta palavra.

    Flávio Souza – MVV Sarzedo/MG

DEIXE UMA RESPOSTA