Cumpra a carreira com alegria

Postado em
0

por Marty Blackwelder
(Presidente do Blackwelder Ministries)

“Portanto, também nós, visto que temos a rodear-nos tão grande nuvem de testemunhas, desembaraçando-nos de todo peso e do pecado que tenazmente nos assedia, corramos, com perseverança, a carreira que nos está proposta, olhando firmemente para o Autor e Consumador da fé, Jesus, o qual, em troca da alegria que lhe estava proposta, suportou a cruz, não fazendo caso da ignomínia, e está assentado à destra do trono de Deus. Considerai, pois, atentamente, aquele que suportou tamanha oposição dos pecadores contra si mesmo, para que não vos fatigueis, desmaiando em vossa alma” (Hebreus 12. 1-3)

Deus quer que completemos a carreira com alegria. A alegria é o coração do cristianismo, porque Deus quer que tenhamos uma vida de celebração. Em João 15.11-13, Jesus reforça que a alegria faz parte do Seu plano:

“Tenho-vos dito estas coisas para que o meu gozo esteja em vós, e o vosso gozo seja completo. O meu mandamento é este: que vos ameis uns aos outros,  assim como eu vos amei. Ninguém tem maior amor do que este: de dar alguém a própria vida em favor dos seus amigos”

A alegria é o combustível que mantém o nosso “motor” funcionando!

Com um tanque cheio, você pode percorrer para um lugar muito mais distante do que com o tanque vazio. Existe uma força sobrenatural na vida de um crente que vive em alegria. Não estou falando só da emoção, mas de uma força espiritual e do fruto do Espírito. A alegria e a paz são fruto de um espírito recriado.

Justiça, paz e alegria, esse é o reino do qual fazemos parte (ver Romanos 14.17). Se essas são características do reino, devem ser também características dos cidadãos deste reino. As pessoas que encontramos no meio do caminho também influenciam em como vamos terminar o nosso caminho. Às vezes, pensamos que se as situações forem perfeitas, vamos terminar como queremos. Na verdade, essas situações e adversidades não devem determinar a nossa alegria e paz. 

A alegria vai ser facilmente percebida na vida de um cristão que vive livre de ansiedades. 

“Alegrai-vos sempre no Senhor; outra vez digo: alegrai-vos. Seja a vossa moderação conhecida de todos os homens. Perto está o Senhor. Não andeis ansiosos de coisa alguma; em tudo, porém, sejam conhecidas, diante de Deus, as vossas petições, pela oração e pela súplica, com ações de graças” (Filipenses 4.4-6)

Ações de ansiedade e preocupações são destrutivas e abrem a porta para o medo. Ansiedade e frustração permitem a falta de confiança, permitem que o medo se instale e impacte a sua paz. 

A preocupação é uma meditação na direção errada. 

Como cristãos, nós indicamos a meditação, mas você deve meditar na Palavra de Deus. Meditar é como um saquinho de chá. Se você mergulha na água o saquinho apenas uma vez, pouco da cor e sabor vão ficar na água. Você precisa mergulhar várias vezes, mergulhar na Palavra de Deus constantemente, até que todo o poder que reside na Palavra seja absorvido pelo seu Espírito humano. 

Isso é meditar de uma forma positiva. Se preocupar é praticar este mesmo princípio numa direção negativa. Se você quer ter uma vida de alegria e paz, não faça isso!

Não se preocupe com nada, seja feliz!

Isso foi o que Paulo quis dizer em Filipenses 4. Ele estava preso quando escreveu essas coisas, numa situação preocupante. Em II Coríntios capítulo 11, versículos 23 ao 28, lemos os sofrimentos pelos quais Paulo passou. Nenhum de nós experimentou os sofrimentos que ele experimentou, mas precisamos admirar a atitude que ele tinha.

“Todavia, não me importo, nem considero a minha vida de valor algum para mim mesmo, se tão somente puder terminar a corrida e completar o ministério que o Senhor Jesus me confiou, de testemunhar do evangelho da graça de Deus” (Atos 20.24)

Paulo aprendeu como celebrar a fé cristã, permanecendo em paz no meio das circunstâncias mais difíceis. O segredo ele contou em Filipenses 4.8:

“Finalmente, irmãos, tudo o que é verdadeiro, tudo o que é respeitável, tudo o que é justo, tudo o que é puro, tudo o que é amável, tudo o que é de boa fama, se alguma virtude há e se algum louvor existe, seja isso o que ocupe o vosso pensamento”

Paulo disse isso porque sabia que seja em que for que esteja a nossa concentração, isso vai ser determinante. O diabo quer sua atenção e está sempre tentando lhe atrair. Por que ele quer sua atenção? Porque ele sabe que sua atenção está ligada a sua paz e alegria, que também afetam a sua confiança e fé. 

Nunca vamos conhecer uma alegria e paz perpetua se tivermos uma mente indisciplinada, sem regras, com maus hábitos, sem limites. Isso é um problema na certa. Precisamos ter uma mente disciplinada. 

Alguns falam que não conseguem controlar seus pensamentos, mas conseguimos sim. Só precisamos de um pouco de prática e disciplina. Temos que aprender a pensar nas coisas certas!

Cristo coloca dentro de nós uma força e Ele nos fez mais que vencedores e nos conduz em triunfo. Precisamos dirigir nossas vidas aqui com a expectativa na vida eterna. Comparado com a benção eterna que nos espera, o que temos enfrentado não é nada!

Depois desse mundo, você tem a glória! Não se preocupe com os “buracos e lombadas” na estrada, tudo isso é temporário. Um dia vamos estar de pé diante dEle e terminaremos essa carreira. Vou manter a minha fé e correr a minha carreira, pois vai haver uma recompensa me esperando do outro lado. (leia Apocalipse 22.12). As nossas obras serão avaliadas e recompensadas. Cada uma delas… Você não está correndo essa carreira aqui em vão. 

Existe uma recompensa do outro lado! Além disso, fazemos o que fazemos porque amamos a Deus e amamos as pessoas. Mesmo quando a situação fica difícil, precisamos continuar mantendo a nossa paz!

Outra coisa que lhe atrapalha a viver em paz é sempre estar olhando para trás, para os seus erros e frustrações. A bíblia diz, em Lamentações capítulo 3 e versículo 22, que o amor do Senhor não se acaba, suas misericórdias duram para sempre, renovam-se a cada manhã. Talvez você tenha cometido um erro, mas assim como o GPS recalcula a rota quando erramos uma entrada, o Senhor também recalcula a nossa rota e nos dá um futuro brilhante!

“Alegrai-vos no Senhor e regozijai-vos, ó justos; exultai, vós todos que sois retos de coração” (Salmos 32.11)

“Cantem de júbilo e se alegrem os que têm prazer na minha retidão; e digam sempre:

Glorificado seja o Senhor, que se compraz na prosperidade do seu servo!”  (Salmos 35.27)

Será que você acha que se alegrar é uma sugestão? Não! Isso é um mandamento. Aqueles que são justos, filhos de Deus, justiça de Deus, devem se alegrar.

Alegria é uma questão de escolha, basta ter foco e concentração. Existe uma “conversa” que fazemos conosco mesmo, o nosso mundo pessoal. Infelizmente, para muitas pessoas, essa conversa interior tem um conteúdo negativo.

As pessoas podem ficar viciadas em ouvir a voz errada. Pensam negativo em todo tempo. Poucos sabem que essa conversação interior produz uma mentalidade e acaba afetando suas emoções e até seu corpo, no sentido fisiológico. Isto porque está tudo conectado. Se você tem vivido assim, cheio de negatividade, mude! 

Esse é o dia que o Senhor criou. Vamos nos regozijar nele!

Nem sempre você se sente alegre, mas a alegria mora em você. Não seja carnal! Aja diferente e isso vai lhe levar a sentir diferente. As ações são mais poderosas que as emoções. As emoções respondem às ações, assim, você pode controlar suas ações e consequentemente seus sentimentos.

Algumas vezes, as pressões da vida chegam e eu começo a declarar e bradar louvores ao Senhor. Dê brados de alegria, cante louvores e se regozije no Senhor!

*Trechos da mensagem na Conferência de Ministros Verbo da Vida Centro-Oeste em Outubro de 2019

SEM COMENTÁRIOS

DEIXE UMA RESPOSTA