Vivendo o sobrenatural de Deus hoje!

Postado em
0

por Godofredo Couto
(Graduado da Escola de Ministros Rhema Itinerante em Brasília-DF)

Uma coisa é certa: se não estamos vendo o poder de Deus agindo por meio de nossas vidas, com milagres e maravilhas, tem alguma coisa faltando em nós. Pois, o Deus que agia com sinais e maravilhas na Bíblia continua sendo o mesmo.

A cultura do Reino de Deus deve incluir as manifestações sobrenaturais que aconteciam nos tempos de Jesus. Ele mesmo disse que faríamos o que Ele fez e obras ainda maiores (Jo 14.12).

Todos os cristãos acreditam que a nossa maior missão neste mundo é a mesma que Jesus tinha: buscar e salvar os que se haviam perdido (Lc 19.10). Amém! Mas, muitos esquecem o complemento.

Além de evangelizar, Ele também foi ungido para curar os quebrantados de coração, para pregar liberdade aos cativos, para restaurar a vista aos cegos e para libertar os oprimidos. E o Seu ministério foi de muito poder manifestado. Ele curou milhares de pessoas, expulsou demônios, ressuscitou mortos e fez inúmeros milagres com a natureza.

Antes de subir ao Céu, logo após o “Ide por todo o mundo e pregai o Evangelho a toda criatura”, Ele disse o seguinte:

“E estes sinais seguirão aos que crerem: Em meu nome expulsarão os demônios; falarão novas línguas; pegarão nas serpentes; e, se beberem alguma coisa mortífera, não lhes fará dano algum; e porão as mãos sobre os enfermos, e os curarão” (Marcos 16.17-18)

O que falta em nós, para que possamos ter uma vida cheia do poder do Pai, ajudar muitos atormentados pelo diabo e, presos por doenças e males?

Jesus também nos deu essa resposta: “Por causa de vossa incredulidade; porque em verdade vos digo que, se tiverdes fé como um grão de mostarda, direis a este monte: Passa daqui para acolá, e há de passar; e nada vos será impossível” (Mateus 17.20)

Se o problema é falta de fé, como resolver isso? Desta vez, é o Apóstolo Paulo quem nos responde: “De sorte que a fé é pelo ouvir, e o ouvir pela palavra de Deus” (Romanos 10.17)

Simples assim: busquemos a fé ouvindo e lendo a Palavra de Deus. Somente assim a nossa fé aumentará e acreditaremos mais no poder de Deus. Com essa fé, com a crença aguçada, colocaremos em prática o que ouvimos e os milagres nos seguirão. Pois, como está escrito acima, os sinais seguirão aqueles que CREREM.

Muitos dizem que não foi para nós que Jesus falou que fariam obras ainda maiores que as dEle. Dizem que foi apenas para aqueles que o ouviam naquele momento. No entanto, Paulo e muitos outros não conviveram com Jesus e, mesmo assim, pregaram o Evangelho não só com palavras, mas cheios do poder de Deus. E quantos milagres Deus tem produzido em nossos dias em todo o mundo?

É muito mais cômodo dizer que as manifestações sobrenaturais de Deus ficaram restritas a Jesus e Seus discípulos do que buscar uma vida de estudo da Palavra e oração e vivenciar o genuíno Evangelho de poder.

Que possamos ter uma vida tão cheia do Espírito Santo e de fé alimentada, a ponto de afirmarmos sobre nós o que Paulo escreveu:

“E a minha palavra, e a minha pregação, não consistiram em palavras persuasivas de sabedoria humana, mas em demonstração de Espírito e de poder” (I Coríntios 2.4)

SEM COMENTÁRIOS

DEIXE UMA RESPOSTA