Tokunbo Adejuwon, mais conhecido como Toks Adejuwon é nigeriano e graduado do Centro de Treinamento Bíblico Rhema em NagpurÍndia (2004) e, hoje, é diretor nacional do Rhema na Nigéria. Professor do Rhema e um pregador do evangelho de Cristo. Ensina fé a Palavra de Deus e ministra cura aos doentes. Suas mensagens são movidas pelo forte no mover do Espírito Santo e demonstração do poder de Deus. Também treina ministros qualificados para a colheita do fim dos tempos.

Como você conheceu a Jesus?

Em dezembro de 1982, eu era uma criança e minha mãe me deu muitos livros do Pastor Hagin e eu li isso e coloquei essas sementes no meu coração. No próximo ano, em outubro de 1983, eu estava no segundo ano do Ensino Médio, aconteceu um culto. Alguém estava pregando e durante a mensagem ele leu João 1.12 “Mas, a todos quanto O receberam, deu-lhes o poder de serem feitos filhos de Deus”. Então, vi que nunca havia recebido a Jesus. Ali naquela reunião de comunhão do colégio, eu confessei que Jesus era o meu Senhor, crendo no meu coração que Deus O ressuscitou dos mortos e eu nasci de novo.

Assim que eu contei a minha mãe que havia recebido a Jesus, ela me contou sobre ser cheio do Espírito Santo com a evidência de falar em línguas e ela meu deu o Livro “Falando em línguas”. E assim, eu fui cheio do Espírito Santo.

Como o senhor conheceu o Rhema?
Em Dezembro de 1982, minha mãe tinha me dado alguns livros, então,  foi o meu primeiro contato com material do Rhema e do Ministério Kenneth Hagin. E, quando eu nasci de novo, como eu disse, em outubro de 1983, na escola, tinha uma biblioteca que tinha muitos livros do irmão Hagin, então,  através dos livros, eu tive meu primeiro contato com o Rhema.

Eu tentei muitas vezes tirar meu visto para os Estados Unidos, para fazer o Rhema lá.  Mas foi negado por quatro vezes, em três anos consecutivos. E eu sempre tive a Índia no meu coração. Descobri que tinha um Rhema na Índia.  Então, eu fui para o Rhema na Índia em 2004.

Como foi sua experiência na Índia?
Eu amo falar sobre isso, porque eu realmente queria estudar no Rhema. E agora eu estava no Rhema e era como acertar “dois coelhos em uma cajadada”! Eu agora poderia fazer duas coisas que estavam no meu coração: Ir para a Índia e estudar no Rhema. Foi muito bom. Uma cultura diferente, um povo diferente. E quando eu voltei, me tornei professor.

Nos conte sobre o Rhema Nigéria.
Um dia, em 1989, veio ao meu coração que o Rhema viria para a Nigéria. Eu tinha isso no meu coração por 20 anos, e nada acontecia. Depois, eu ouvi dizer que o pastor Matt Beemer e sua esposa Julie,  iriam para a Nigéria abrir uma Escola Rhema. Fiz alguns contatos com eles e meu coração estava pronto para ver o que Deus tinha estabelecido há anos para mim. Era como um sonho se tornando realidade. Nos temos feito lá o melhor que podemos, estamos treinando e desenvolvendo pessoas na mesma missão, na mesma visão, na mesma mensagem, e vemos muitos resultados. O Brasil é uma grande inspiração para nós.

Como tem sido esse tempo para o senhor no Brasil?
Essa é minha primeira vez no Brasil e o pessoal e esta senso maravilhoso! O povo é muito caloroso, hospitaleiro, carinhoso. É como uma família, como se nos conhecêssemos há 20 anos. A comida é deliciosa, os cultos estão sendo maravilhosos. Tenho visto a honra pelas coisas de Deus, o compromisso com Deus, esta sendo uma experiencia gloriosa para mim!

Deixe uma mensagem para todos os membros da Igreja Verbo da Vida no Brasil.
As igrejas Verbo da Vida têm feito muitas coisas e é desafiador ver como a Palavra de Deus está sendo espalhada. Mas o que eu quero dizer é que nossos melhores dias não estão atrás de nós. Somos gratos pelo que Deus fez, mas ainda tem muito mais que será feito. Continuem construindo pela Palavra, alimentando o povo com a Palavra de Deus. Assim, o movimento do Espírito será multiplicado. E a influência da igreja e do Ministério, a influência do Senhor ficará mais forte, não somente no Brasil, mas ao redor do mundo.

SEM COMENTÁRIOS

DEIXE UMA RESPOSTA