A manhã de domingo começou com muita oração para os ministros que foram separados para o licenciamento e ordenação na Conferência de Ministros Verbo da Vida no Sudeste. Os momentos de oração são coordenados por Manoel Dias em um auditório anexo. Logo em seguida, foi dado início ao culto com um tempo precioso de louvor e adoração dirigido por Manassés Guerra.

DARREN WRAY

Na sequência, o pastor Darren Wray, líder da Igreja Verbo da Vida em Aracaju-SE, contou como foi a experiência dele quando foi chamado por Deus para começar uma obra naquela cidade. Ele leu a primeira parte do versículo 1 do capítulo 1 do livro de João que diz: “No princípio era o Verbo”. Toda a ministração dele foi baseada neste trecho do versículo para enfatizar que toda a sua vida ministerial foi baseada em Palavras dadas por Deus.

Muitas vezes, eram apenas palavras ministradas a seu favor que, no início, não aparentavam estar acontecendo muita coisa, mas nos bastidores tinha certeza de que Deus estava trabalhando. Ele falou sobre o investimento na construção do prédio da igreja em Aracaju. A princípio, ele não entendia sobre construção, mas Deus foi capacitando-o e, com o passar dos anos a igreja começou a sair do projeto e ser construída. Darren falou que os recursos para a construção vieram através de um grande mover do Espírito. Foram vários milagres financeiros até a conclusão do prédio.

Em um culto, uma jovem do louvor chegou para mim e disse: “Eu percebo que precisamos levantar uma oferta agora para a construção”, então, eu disse para ela: “Então fala você”. Quando ela falou, dois homens se levantaram na mesma hora e vieram a frente, de repente, como pipoca, as pessoas começaram a se levantar e ofertar, ofertaram carros, apartamentos, animais, jóias. E o melhor, essa foi a maior oferta já levantada na igreja para a construção do nosso templo e não foi eu quem levantou. Foi pelo Espírito!

Foi um testemunho impactante e muito poderoso que encorajou os ministros a confiarem no Senhor, na visão, na palavra que Ele der para as suas vidas e seguirem firmes fazendo a Sua vontade.

E concluiu: “Alguns rompimentos são em camadas. Agora, quem está do outro lado acha que não está acontecendo nada, é como se estivesse anestesiado. Mas, camada após camada está sendo rompido. Por muito tempo, parecia não estar acontecendo nada, eu não estava entendo que aquele rompimento estava acontecendo em camadas. Chegou o tempo do rompimento, mas às vezes, ele pode está acontecendo em camadas na sua vida”.

Leia mais da mensagem do Pr. Darren Wray clicando aqui.

SEGUNDO MOMENTO

O apóstolo Guto Emery fez a apresentação de dois projetos missionários. O primeiro foi a do evangelista Jânio César. Nos próximos meses, ele estará residindo nos Estados Unidos com o objetivo de, a partir do país, fazer cruzadas evangelísticas na África e na América Latina. “Nós acreditamos em você e cremos que o Senhor está lhe chamando para um alvo maior”, disse o Ap. Guto que, em seguida, orou por ele declarando bençãos nesse novo tempo.

O casal de missionários, Arthur Silva e Camila Galvão, apresentaram o projeto Missão Itália. Eles estão estudando na Escola de Missões Rhema e, após esse tempo de preparação irão para a Roma, na Itália. O apóstolo orou por eles e enfatizou a importância dos missionários investirem na vida uns dos outros.

LICENCIAMENTO E ORDENAÇÃO

Na oportunidade, o Ap. Guto trouxe uma breve mensagem aos candidatos ao Licenciamento e Ordenação. Ele falou sobre as qualificações de um ministro e sobre a importância da imposição de mãos neste momento de suas vidas.

“Como você sabe a gente não ordena ninguém no cargo ministerial nos cinco dons, não estamos declarando que ninguém é pastor, mestre, evangelista, etc. Nós consideramos que uma pessoa está apta ao pleno presbiterado do ministério, mas é a unção que vem sobre a vida dela que identifica o chamado que ela tem“, iniciou o Ap. Guto.

Ele continuou dizendo que a fidelidade aos comandos de Deus vai abrir portas, Deus vai os encaixar no lugar que Ele quer, o que importa é ser fiel. Guto disse ainda aos irmãos que estão sendo Licenciados e Ordenado que o Ministério considera mais a visão que tem no “Ministério Verbo da Vida” do que apenas o nome.

“Nós temos uma corrente de pensamento, temos uma crença, você precisa estudar bem aquilo que a gente crê. Conferências como essa lhe ajudam a compreender como a gente crê. Leia os livros do irmão Hagin”, asseverou. 

Animado com esta nova estação na vida de 143 ministros de várias regiões do Sudeste, ele disse que se Jesus não voltar logo, o Brasil será sacudido, a cada ano que passa, mais de 300 pessoas são levantadas para o ministério.

“Daqui a pouco, seremos 700 igrejas, essa é a visão e correr com ela. Eu sei que Deus não tem pressa, mas eu tenho. Deus é eterno e eu não. Quando eu vejo pessoas que têm chamado, eu quero colocá-las no chamado.  Quer ver a sua igreja crescer? Tenha olhos para as pessoas. Vai ter gente muito melhor do que você, mas não fique enciumado, foi para isso mesmo que você foi chamado, levantar as pessoas e fazê-las avançar”.

Seguindo, a diretoria do Ministério Verbo da Vida, juntamente com os supervisores, impuseram as mãos sobre cada licenciado e ordenado, em um momento de muita alegria. A liderança do Ministério Verbo da Vida veio a frente e os ministros licenciados e ordenados, um a um, foram recebendo a imposição das mãos. Ao todo foram 143 ministros.

Acesse as fotos desse momento clicando aqui.

\

 

SEM COMENTÁRIOS

DEIXE UMA RESPOSTA