Submisso a visão

Postado em
0
583

Perilo Borba

*Trechos da ministração na Conferência de Líderes em Campina Grande-PB

“Digo verdadeiramente que, se o grão de trigo não cair na terra e não morrer, continuará ele só. Mas, se morrer, dará muito fruto. Aquele que ama a sua vida a perderá; ao passo que aquele que odeia a sua vida neste mundo a conservará para a vida eterna. Quem me serve precisa seguir-me; e, onde estou, o meu servo também estará. Aquele que me serve, meu Pai o honrará.” (João 12. 24‭-‬26)

Como podemos dizer hoje que amamos ao Senhor?

Como provamos que amamos ao Senhor? Quando eu estou amando as pessoas.

Como posso dizer que sirvo a Deus? Quando eu sirvo pessoas.

Quando você não se submete para com pessoas, você diretamente não está fazendo para com Deus.

Quando nos opomos a alguma autoridade humana, nos opomos diretamente a Deus.

Como pessoas nós precisamos ter uma visão, um alvo. Não podemos dar golpes no ar sem saber para onde vai.

Você precisa ter uma visão para seguir.

No livro de Tony Cooke “Seu Lugar no Time dos Sonhos de Deus” o autor escreveu:

“Quando Deus quer fazer algo na terra, Ele dar uma visão para um líder, e geralmente essa visão é além do que estamos fazendo no momento. Eu estou contigo” e “Eu vou acrescentar pessoas na sua vida”. Deus sempre começa com um líder, mas Ele sempre termina com um time.”

“Samuel expôs ao povo as leis do reino. Ele as escreveu em um livro e o pôs perante o Senhor. Depois disso, Samuel mandou o povo de volta para as suas casas.  Saul também foi para sua casa em Gibeá, acompanhado por guerreiros, cujo coração Deus tinha tocado. Alguns vadios, porém, disseram: “Como este homem pode nos salvar?” Desprezaram-no e não lhe trouxeram presente algum. Mas Saul ficou calado.” (I Samuel 10. 25‭-‬27)

Você nunca vai se submeter a quem você não honra. Você nunca honrará quem você admira.

Como líder você tem que saber que nem todo mundo vai querer te seguir também. A questão é como você reage a isso! Para cumprirmos o plano de Deus para a nossa vida, precisamos nos submeter a uma visão que é maior que a nossa. E nesse processo de submissão, quando menos esperar estaremos cumprindo a nossa.

Do mesmo jeito que você precisa dessa visão, essa visão precisa de você. Por que você precisa estar submetido a uma visão maior do que você? Porque Deus estabeleceu a autoridade. Se você quiser ser abençoado você precisa ser inferior. O óleo não sobe. Então, se você quiser óleo, deve estar embaixo. Se você quiser o óleo, você precisa estar vestindo a sua autoridade. Quando você estar debaixo de uma autoridade possa ser que você não seja visto, mas você vai estar protegido.

Liderança é trabalho! Quem não está debaixo de uma cobertura fica exausto e aflito.
Não adianta você ter um guarda-chuva, e em algum tempo de chuva você se molhar, não usar ele. Não depende da igreja ou do pastor, você estar submisso a eles. Você precisa agarrar a visão e se colocar debaixo dela.

Por que muita gente declara os Salmos 23 e está em falta? Porque não é teoria, é prática.
Nas áreas de sua vida que você se submete ao pastoreio, nada vai te faltar. Servir e seguir a Jesus vai nos levar a servir e seguir pessoas.

“Quem me serve precisa seguir-me; e, onde estou, o meu servo também estará. Aquele que me serve, meu Pai o honrará.” (João 12.26)

Judas deixou de seguir, porque primeiramente deixou de servir. É possível você estar servindo sem estar seguindo. Está servindo? Então, é importante também seguir.

“Irmãos, vocês foram chamados para a liberdade. Mas não usem a liberdade para dar ocasião à vontade da carne ; ao contrário, sirvam uns aos outros mediante o amor.” (Gálatas 5.13)

Servir é o ato, o que você faz. E seguir está associado ao seu coração. Servir é bom, mas não é tudo! Jesus disse: Sirva, mas também siga! O seguir o colocará em movimento, e vai exigir, muitas vezes, sua totalidade de coração. É o teu coração que determina se você está embaixo.

Servir pode até atrair um manto para a sua vida, mas é o seguir que lhe trará uma unção dobrada.

“Espero no Senhor Jesus enviar Timóteo brevemente, para que eu também me sinta animado quando receber notícias de vocês. Não tenho ninguém que, como ele, tenha interesse sincero pelo bem-estar de vocês, pois todos buscam os seus próprios interesses e não os de Jesus Cristo. Mas vocês sabem que Timóteo foi aprovado porque serviu comigo no trabalho do evangelho como um filho ao lado de seu pai. Portanto, é ele quem espero enviar, tão logo me certifique da minha situação, confiando no Senhor que em breve também poderei ir.” (Filipenses 2.19‭-‬24)

Timóteo servia para cumprir a visão de Paulo. A tua submissão vai levá-lo mais longe do que a tua ambição poderia lhe impulsionar a ir. Timóteo não tinha ambição em construir um ministério próprio servindo a Paulo. A primeira coisa que Paulo pediu a Timóteo foi a circuncisão. Uma coisa é ser circuncidado com 8 meses de vida e outra coisa é ser circuncidado já jovem.

Tem coisas que precisamos nos submeter não para que você sejamos salvos, mas para que possamos cumprir o ministério. Muitas pessoas querem fazer coisas grandes, mas para que você se detenha as coisas grandes, você precisa se deter às coisas pequenas. O caminho para cima é por baixo.

Simão Pedro lhe perguntou: “Senhor, para onde vais?” Jesus respondeu: “Para onde vou, vocês não podem seguir-me agora, mas me seguirão mais tarde”.  Pedro perguntou: “Senhor, por que não posso seguir-te agora? Darei a minha vida por ti!”  Então Jesus respondeu: “Você dará a vida por mim? Asseguro que, antes que o galo cante, você me negará três vezes!” (João 13.36‭-‬38) 

É melhor aprender a me submeter a um “não”, do que depois chegar com um “não consegui”. Precisamos aprender a escutar um “não”, um “sim” ou um “espera” da mesma forma. Para servir e seguir é preciso aprender a se submeter aos “não’s”.

“Quando andavam pelo caminho, um homem lhe disse: “Eu te seguirei por onde quer que fores”.  Jesus respondeu: “As raposas têm suas tocas e as aves do céu têm seus ninhos, mas o Filho do homem não tem onde repousar a cabeça”.  A outro disse: “Siga-me”. Mas o homem respondeu: “Senhor, deixa-me ir primeiro sepultar meu pai”.  Jesus lhe disse: “Deixe que os mortos sepultem os seus próprios mortos; você, porém, vá e proclame o Reino de Deus”.  Ainda outro disse: “Vou seguir-te, Senhor, mas deixa-me primeiro voltar e despedir-me da minha família”.  Jesus respondeu: “Ninguém que põe a mão no arado e olha para trás é apto para o Reino de Deus”. (Lucas 9.57‭-‬62)

Quer seguir? Não crie raízes tão fortes que não podem ser retiradas tão facilmente.
Quer seguir? Tem que estar pronto para mudar fácil.

Seguir a Deus é servi-lo.

Você não pode seguir com ressentimentos. Entenda que quando você segue, você vai provar de coisas melhores a cada estação.

SEM COMENTÁRIOS

DEIXE UMA RESPOSTA