Você é único para o seu propósito!

Postado em
0
1802

BLOG-FERNANDO-TOPO-580x156“Todavia, não me importo, nem considero a minha vida por preciosa para mim mesmo, se tão somente puder terminar a corrida e completar o ministério que o Senhor Jesus me confiou, de testemunhar do evangelho da graça de Deus.” Atos 20:24

Todos nós nascemos com um propósito e destino. Entre 7 bilhões de pessoas na terra, cada uma nasceu com uma característica e uma identidade própria. Apesar de muitas pessoas não reconhecerem essa realidade, acabam não desenvolvendo o que foram chamadas para fazer.

Quando falo sobre chamado, não estou me referido apenas ao ministério, mas, a toda vocação que rege a vida de alguém, seja profissional ou para algo dentro de outra esfera. Para cada vocação e propósito existe uma graça. Às vezes, eu vejo alguém morando em um país ou fazendo algo diferente do que fazemos e pensamos. Como alguém pode estar feliz em fazer isso ou em morar em uma cidade ou país assim? E logo entendemos que isso se chama a graça de Deus para cada um cumprir o seu destino.

Em contrapartida, pelo fato de sempre estar viajando, passando praticamente o ano fora de casa, com outras pessoas e em diferentes lugares ministrando pelo corpo de Cristo, algumas pessoas falam para eu e minha esposa:: “Como vocês suportam isso?… viajar tanto, estar sempre longe da família amigos etc…” Eu sempre respondo  esse é nosso chamado e, por isso para nós isso não é peso e nem estamos angustiados ou desejando outra coisa, pelo contrario, estamos desfrutando de um ambiente de recompensas e satisfação.

Se você vive insatisfeito e frustrado naquilo que você faz, isso pode ser um grande sinal de que você estar vivendo a coisa errada. Como é importante cada pessoa se encontrar em sua vocação, pois só existe plenitude na vida quando se está vivendo o que foi chamado.

É triste vê pessoas se comparando com outras ou tentando ser algo que não foram chamadas, porque se você está tentando ser algo isso significa que você não é isso, pois chamado e vocação não se inventa não se cria, simplesmente você é.!! Já tentei ser outra pessoa ou funcionar como alguém, já tentei tocar e cantar.. imagine…rsrsrs..também já tentei ser o que outras pessoas me sugeriram e digo com toda sinceridade do meu coração não funciona, é impossível, mas quando descobri em Deus para o que nasci, nossa… isso me fez desfrutar de sucesso e plenitude.

Seu destino está em seu DNA, nasceu com você e o mais incrível é que ele é único e ninguém no mundo por mais inteligente ou habilidoso que seja, poderá viver o que você foi chamado para viver, seu futuro é único. Então, não se compare, nem alimente o desejo de ser ninguém.

Viva o que em Deus foi separado antes que os seus ossos fossem formados e desfrute daquilo que é exclusivo e preparado somente para você. Eu e minha esposa nos divertimos muito naquilo que fazemos, até mesmo quando as oposições e desafios surgem, ficamos empolgados, porque temos a consciência que estamos no chamado de Deus e todas as coisas devem funcionar. Quando se está no proposito divino você não procura as coisas mas as coisas te acham.

A bíblia nos mostra o ministério de João Batista, ele era duro com os seus ouvintes, não falava coisas muito agradáveis, mas mesmo assim, as pessoas o seguiam para aquele lugar deserto para receberem o batismo nas águas. Uma das coisas que eu acho incrível sobre João Batista é que ele não usurpou ser Jesus, nem foi contrário ao seu ministério quando o tempo de jesus se iniciou, ele reconhecia que Jesus era maior do que ele.

Uma das evidências de alguém que tem uma identidade própria e que está vivendo o seu chamado é reconhecer o dom e chamado de Deus na vida de outras pessoas, contribuindo para que esses talentos se desenvolvam. João tinha uma identidade quando perguntaram para ele: Quem é você? Você é Elias? O Cristo? E ele respondeu:“Eu sou a voz do que clama no deserto.” Ele tinha uma identidade e sabia para o que ele foi chamado.

Então eu te incentivo a desenvolver o seu proposito e depois disso ajude outros a cumprirem o que Deus os chamou. Entenda o seu chamado, tenha uma identidade própria, pois uma pessoa que entende o seu chamado, demonstra um verdadeiro respeito pela vontade de Deus, mais uma pessoa que não entende o seu chamado se torna um impedimento para a sua vocação.

SEM COMENTÁRIOS

DEIXE UMA RESPOSTA