“A minha maior inspiração para permanecer firme e acreditar na minha conclusão do RHEMA foi a confiança na palavra que Deus me disse de que eu iria conseguir. Aprender tudo o que aprendi no RHEMA foi muito inspirador para a minha vida e meu chamado. Sou muito grata por hoje estar realizando esse grande sonho.” (Sarah Couto, 18 anos)

Assim como a jovem Sarah, 139 outros alunos foram bastante inspirados pelo Espírito de Deus e pelo aprendizado conquistado durante os dois anos dedicados ao Centro de Treinamento Bíblico RHEMA, em Campina Grande (unidades sede e Distrito) e Soledade, e puderam festejar a conquista de sua formatura. 

Da mesma forma, os 96 formandos da Escola de Ministros RHEMA e os 42 da Escola de Missões RHEMA também são literalmente vitoriosos por passarem por tantas provas e vencerem cada uma delas, especialmente a crise mundial na saúde, quando as escolas passaram por um período funcionando apenas de forma on-line. 

INSPIRAÇÃO PARA VIVER, AMAR E SERVIR

Os temas das escolas para 2021 são bastante oportunos para este tempo: Inspiração para Viver (RHEMA), Inspiração para Servir (Ministros) e Inspiração para Amar (Missões). Foi bem nessa linha que a cerimônia de formatura dos 278 alunos foi realizada. Uma noite simplesmente inspiradora. Uma noite de conquistas. Uma noite de coroação de uma jornada. 

A empolgação das turmas já acontecia desde os bastidores, quando os formandos se preparavam para entrar na nave da igreja. Enquanto isso, os convidados, familiares e amigos, esperavam ansiosos pelo momento de entrada dos alunos. Nessa expectativa, todos vibraram com a entrada dos componentes da mesa de formatura, bem como dos professores e autoridades militares, políticas e eclesiásticas. 

Componentes da mesa

Ap. Guto Emery (presidente do Ministério Verbo da Vida – MVV), Sylvia Lima (coordenadora das Escolas de Ministros RHEMA), Mama Jan Wright (fundadora do MVV), Pr. Thiago Borba (pastor presidente do Verbo da Vida Sede, em Campina Grande), Douglas Ferraz (diretor do RHEMA em Campina Grande), Ana Fábia Melo (diretora do RHEMA no Distrito), Diego Oliveira (líder espiritual do Rhema em Soledade), Fernando Leal (diretor da Escola de Ministros RHEMA em Campina Grande), Suênia Emery (diretora da Escola de Missões RHEMA), Suellen Emery (coordenadora da Agência de Missões e Escola de Missões RHEMA) e Renato Gaudard (Diretor Executivo do MVV).

Os dois anos de Rhema foram de profundos ensinamentos, não só da Palavra da Fé, mas também de como é bom seguir e praticar tudo o que foi deixado por Jesus Cristo para nós; dois anos que passaram muito rápido, mas que serão inesquecíveis.
(Flávio José, 40 anos)

UMA FESTA DE CORES E EMOÇÃO

Depois da belíssima entrada dos militares com as bandeiras representativas, chegou o grande momento da noite. Os alunos da Escola de Missões, com suas becas verdes, foram os primeiros a entrar no local, seguidos pelos formandos da Escola de Ministros, com as brilhantes becas douradas. Por último, foi a vez dos alunos do RHEMA, que encheram o local com o seu característico vermelho já conhecido em todo o mundo. 

Como disse Manoel Dias, o anfitrião da noite, “esses homens e mulheres foram equipados para proclamar o Evangelho da Salvação e influenciar outras pessoas, levando essa Palavra por toda a Terra”. Em seguida, o diretor do Rhema Sede, Douglas Ferraz, bastante emocionado, afirmou, na palavra de abertura da formatura, que, “em 2020, em meio à pandemia, os nossos alunos fizeram uma história sobrenatural pelo poder da Palavra de Deus”

Com muita dança e saltando de alegria por meio de canções, os formandos festejaram sua conquista adorando e exaltando ao Senhor. Com versos como “Minha boca se encheu de risos e os meus lábios de gritos de júbilo”, eles fizeram o templo tremer, literalmente, com sua empolgação. 

“Essa inspiração chegou para nós através da Palavra.”
(Sylvia Lima, coordenadora das Escolas de Ministros)

“Esta é uma noite de celebração, de recomeço Eu quero me alegrar com você nesta noite para finalizar esta etapa e começar uma nova. 2020 foi um ano desafiador, mas foi um ano de descobertas e cheio de conquistas. Foi a fé que nos trouxe até aqui. E essa fé vai levar você até o fim da sua carreira”, comemorou Sylvia Lima, em sua palavra. 

Todos foram surpreendidos com uma novidade da Escola de Ministros. Nessa noite, foi realizada a transição da diretoria da Escola de Ministros de Fernando e Mírian Leal para Sylvia Lima. Fernando e Mírian homenagearam Sylvia e foram honrados por ela por todos os anos de dedicação à escola. 

Leia mais da mensagem de Sylvia Lima.

Fazer a Escola de Ministros é se deixar ser tratado por Deus para servir com mais excelência. Muito mais do que conhecimento é estar com o coração totalmente rendido ao querer do Pai e prontos para decolar para a próximo fase.
(Cassiane Damin, 36 anos)

INSPIRADOS, FORMADOS E DIPLOMADOS 

E o grande momento chegou! Os formandos das escolas das Escolas de Missões, Ministros e RHEMA foram citados, um a um, e receberam seus diplomas com muita música, palmas e manifestações dos presentes. 

Um dos momentos mais emocionantes da noite foi a apresentação de um vídeo com pessoas com limitações e que concluíram o RHEMA, como Maria das Dores, uma ex-presidiária, e Samara Soares, uma jovem com Síndrome de Down, que estudou como aluna inclusa. Elas nos mostram que, apesar dessas limitações, tudo é possível ao que crê. Confira o vídeo:

Por fim, os formandos do RHEMA fizeram a troca do lado do pêndulo do capelo. Esse gesto foi criado para simbolizar o rito de passagem da formatura, quando os alunos tornam-se oficialmente capazes de praticar o que aprenderam.

O Rhema, para nós, foi a grande descoberta de que a Palavra da Fé é viva e funciona. Quando a consciência dessa luz se acende dentro de você, tudo faz sentido, tudo fica leve e não importa quaisquer que sejam as circunstâncias: a Palavra revelada está sobre todas elas. Experimentar esse poder em nós e confiar no que aprendemos, quem somos em Cristo Jesus, é o maior tesouro que recebemos!
(Geneceuda Monteiro, 49 anos)

No ano de 2020, durante a Escola de Missões, fui inspirada a permanecer firme mesmo em meio às pressões e circunstâncias que se levantaram devido à pandemia. Eu tive, claramente, a graça e o favor de Deus se manifestando sobre a minha vida. Aprendi a amar pessoas em vez de amar uma bandeira, um mapa ou um pedaço de terra. Vi o quão importante é buscar entender uma cultura e a língua, e que, definitivamente, nenhum tempo de preparação é perdido!
(Rebeca Fernandes, 26 anos)

E um novo ciclo começa. Em 2021, só vai melhorar!

Assista a formatura completa abaixo:

 

SEM COMENTÁRIOS

DEIXE UMA RESPOSTA