Influencie sua família!

Postado em
0

por Manoel Dias

Estava pensando em um homem na Bíblia chamado Josué. Ele foi levantado como representante de uma tribo. Vamos ver como esse homem foi inspirado!

Existem coisas compartilhadas pela pregação e testemunho e, através deles, Deus vai alinhando a nossa vida. Guarde essa palavra em um bom depósito.

“Nenhum deles verá a terra que, com juramento, prometi a seus pais, sim, nenhum daqueles que me desprezaram a verá. Porém o meu servo Calebe, visto que nele houve outro espírito, e perseverou em seguir-me, eu o farei entrar a terra que espiou, e a sua descendência a possuirá” (Números 14.23-24).

Aqui, vemos Deus chamando 12 homens para espiar a terra. Eles foram e voltaram com um relatório. Dez relataram o que viram, pelos olhos da incredulidade, mas Josué e Calebe olharam de outra forma para esse fato: decidiram ficar com a visão de Deus.

“Uma vez dentro Moisés da tenda, descia a coluna de nuvem e punha-se à porta da tenda; e o Senhor falava com Moisés. Todo o povo via a coluna de nuvem que se detinha à porta da tenda; todo o povo se levantava, e cada um, à porta da sua tenda, adorava ao Senhor . Falava o Senhor a Moisés face a face, como qualquer fala a seu amigo; então, voltava Moisés para o arraial, porém o moço Josué, seu servidor, filho de Num, não se apartava da tenda” (Êxodo 33. 9-11).

Quantas vezes, na vida cristã, nós somos desafiados a permanecer na fé ou cair na incredulidade e na dúvida? Estamos aqui para aprendermos na fé, sendo inspirados através da comunicação com Deus. Como sou grato ao apóstolo Bud Wright e a Mama Jan por terem trazido esta Palavra!

Olhando para Josué e Calebe, percebemos que eles permaneceram na Palavra. Josué serviu a Moisés e, não sei se você sabe, as associações têm o poder de nos levantar ou nos derrubar. Devemos ter cuidado com isso, pois as associações são algo mais sério do que pensamos.

No contexto da família, precisamos ser vigilantes. A nossa vida é feita de relacionamentos na família, na igreja e na sociedade. Tenha cuidado e seja um guardião da sua casa! 

Precisamos nos levantar e nos colocar em lugares de autoridade, como pessoas que irão defender a família. Nós temos que tomar partido por Deus. O que fez Josué ter esse contato com Moisés? Ele foi atraído pela vontade de Deus. Os meus filhos terão a influência de Deus no máximo que puder. Eu os ensino a orar e confessar a Palavra. Faça confissões dentro da sua casa, na vida dos seus filhos. Temos um poder de influência na nossa família mais do que pensamos. Seja uma influência na sua família!

Notamos que Josué e Calebe perseveraram. É possível desmaiar no contexto familiar? Sim. Mas eu declaro que você vai perseverar.

Olhando, por exemplo, para o momento da ceia, Deus mandou reunir as famílias para esse momento. A mesa é um lugar de comunhão, de falar a Palavra, de orar… Lembro de um tio que orou por mim, eu ainda pequeno, com uns 7 anos. Aquelas palavras foram penetrantes no meu espírito. Mas lembro das palavras declaradas na minha vida. Fui fazer faculdade, mas Deus me chamou para coisas superiores. Tudo começou com uma semente: aquelas palavras. O tempo passou e hoje estou no ministério…

Declare a Palavra sobre a sua família e mesmo que leve um tempo, eles vão lembrar das suas palavras. Certamente, Josué pegou coisas de Moisés pelo convívio. Pegamos coisas convivendo com pessoas. Com quem você está convivendo?

Com as minhas palavras, eu creio que o que tenho construído na vida dos meus filhos, vai frutificar.

Vamos fazer dos nossos lares um ambiente da consciência de Deus!

Homens maus estão querendo destruir as famílias. Se não nos levantarmos para protegê-las, amanhã pode ser tarde demais.

“Todo lugar que pisar a planta do vosso pé, vo-lo tenho dado, como eu prometi a Moisés. Desde o deserto e o Líbano até ao grande rio, o rio Eufrates, toda a terra dos heteus e até ao mar Grande para o poente do sol será o vosso limite. Ninguém te poderá resistir todos os dias da tua vida; como fui com Moisés, assim serei contigo; não te deixarei, nem te desampararei. Sê forte e corajoso, porque tu farás este povo herdar a terra que, sob juramento, prometi dar a seus pais” (Josué 1. 1-8).

Vamos nos encher da Palavra de Deus. Aproveite esses dias para ler, se desafie. Leia com os seus filhos. A fé vem pelo ouvir. Há coisas que só virão para a sua vida quando você aquietar corpo e alma. Deus quer nos proteger, Ele quer renovar áreas e precisamos meditar na Sua Palavra.

Faça um desafio a si mesmo e leia um livro! Invista em uma biblioteca na sua casa. Você não vai ter sucesso se não tiver uma saudável vida de meditação. Deus está te chamando para um compromisso.

“Agora, pois, temei ao Senhor e servi-o com integridade e com fidelidade; deitai fora os deuses aos quais serviram vossos pais dalém do Eufrates e no Egito e servi ao Senhor .Porém, se vos parece mal servir ao Senhor , escolhei, hoje, a quem sirvais: se aos deuses a quem serviram vossos pais que estavam dalém do Eufrates ou aos deuses dos amorreus em cuja terra habitais. Eu e a minha casa serviremos ao Senhor“ (Josué 24.14-15).

Josué não celebrou a conquista ministerial, mas a integridade familiar, servindo ao Senhor. Declaro que veremos famílias restauradas, servindo ao Senhor. Declaro reconciliação familiar, sementes de divórcio sendo destruídas, em nome de Jesus!

*Trechos da mensagem do dia 25 de fevereiro de 2022, no Acampamento Verbo da Vida Sede

SEM COMENTÁRIOS

DEIXE UMA RESPOSTA