Autoridade e influência

Postado em
0

por Thiago Borba

Estamos cada vez mais unidos no amor, na Palavra e na visão. O mundo não deve influenciar a Igreja, mas a Igreja deve influenciar o mundo.

Quando Deus fez o homem, Ele não olhou nem pra água, nem pra terra, porque você não é planta e nem bicho. Da mesma forma que a planta não pode viver longe da terra e nem o peixe fora da água, nós não podemos viver longe de Deus.

Fomos criados à imagem e semelhança de Deus, temos a Sua natureza dentro de nós, mas quero destacar a autoridade que Deus nos deu quando estava criando a terra. 

Em 1 João 5.19, a Bíblia diz que “Sabemos que somos de Deus e que o mundo inteiro jaz no Maligno”.  No livro de 2 Coríntios 4.4, nós vemos que o diabo é o deus deste mundo. João 14.30: “Já não falarei muito convosco, porque aí vem o príncipe do mundo; e ele nada tem em mim”, ou seja, existe um domínio que foi entregue nas mãos do diabo, ele é o príncipe deste mundo, mas não tem poder sobre Deus. E como filhos de Deus, Satanás também não tem poder sobre nós.

“Acima de todo o principado, e poder, e potestade, e domínio, e de todo o nome que se nomeia, não só neste século, mas também no vindouro; E sujeitou todas as coisas a seus pés, e sobre todas as coisas o constituiu como cabeça da igreja” (Efésios 1.21).

Quando não conhecemos a Palavra de Deus e começamos a ouvir sobre as coisas espirituais e sobre o poder d’Ele, não entendemos bem como a Bíblia aborda isso e, achamos que o diabo está à altura de Deus. Porém, perto de Deus, o Diabo não é nada. É uma coisa óbvia, mas, às vezes, nos deixamos enganar porque ficamos temerosos com as coisas que Satanás faz. Mas Deus está muito acima de qualquer autoridade, liderança e governo. E se Ele está muito acima e nós estamos assentados com Ele nas regiões celestiais, nós também estamos muito acima de Satanás. O poder que foi disponibilizado para você está muito acima do que qualquer coisa que Satanás possa fazer.

“Todas as coisas sujeitaste debaixo dos seus pés. Ora, desde que lhe sujeitou todas as coisas, nada deixou fora do seu domínio. Agora, porém, ainda não vemos todas as coisas a ele sujeitas” (Hebreus 2.8).

É verdade que ainda não vimos tudo submetido à autoridade divina. Mas Jesus já tem todo poder e autoridade. O poder d’Ele está acima de tudo o que Satanás possa fazer. Estou dizendo AINDA, porque isso vai acabar. Em Romanos 16.20 diz que EM BREVE o Deus de paz esmagará Satanás sob os nossos pés. O governo deste mundo foi entregue ao Diabo e ele ainda tem o direito de exercer autoridade sobre esta terra, mas não sobre a Igreja, porque estamos experimentando os poderes do mundo vindouro.

Jesus falou sobre essa autoridade que nós já temos em Lucas 10.19. Ele não estava impressionado porque os demônios estavam se submetendo a sua autoridade, porque Ele sabia o poder e autoridade que tinha.

Quando compreendemos a autoridade que temos, podemos andar no nível de fé que Jesus espera de nós. Satanás é o deus deste século, mas maior é o que está em nós. não alguém À altura do diabo para competir conosco, mas é maior, superior. 

Nos últimos dias, depois que a igreja for arrebatada, o anticristo será levantado na terra. Apocalipse diz que o próprio Diabo vai dar sua autoridade para ele, e Paulo fala sobre isso em 2 Tessalonicenses 2.6. Enquanto estivermos aqui, é a igreja que tem autoridade sobre qualquer coisa que Satanás pode fazer sobre a terra, pois Jesus diz em Mateus 5.3 que somos sal da terra e luz do mundo. E quando o sal sair da terra, ela vai apodrecer.

Este mundo aqui já está profetizado na Palavra que vai apodrecer. Mas, nosso papel como sal é atrasar o máximo possível esse apodrecimento, pois enquanto estivermos no mundo temos que fazer algo. Quando Jesus estava na terra, Deus estava usando Ele para reconciliar as pessoas, e essa mensagem que estava com Jesus, está conosco, pois somos embaixadores d’Ele — somos a representação legal de Jesus na terra. Se nós estamos, Ele está! É em nome de Jesus que nós fazemos o que fazemos.

“…pelo qual sou embaixador em cadeias, para que, em Cristo, eu seja ousado para falar, como me cumpre fazê-lo” (Efésios 6.20).

Estamos em Cristo e sabemos a autoridade que temos em n’Ele. Mas não esqueça que da mesma forma que estamos em Cristo, Ele também está em nós. As áreas que influenciam neste reino, neste mundo, são as áreas que Deus tem acesso. Somos representantes de d’Ele desde o início, pois este era o Seu plano desde o início. Na nova aliança, temos o mesmo direito, pois somos participantes da natureza divina, como está em 2 Pedro 1.3. Se você nasceu de novo, sua natureza antiga não conta mais, livre-se da sua velha natureza.

Quando o Diabo olha pra mim e para você, ele não vê pessoas ímpias como ele costuma ver lá fora, mas ele nos vê como pessoas diferentes. Em Gálatas 2.20 diz que Cristo vive em nós, e se Ele nos representa nos céus, nós representamos Ele na terra. Às vezes, olhamos para fora e nos comparamos com outras pessoas, como elas estão vivendo, como diz em Efésios 2.1. Se vivemos andando achando que somos como as pessoas que ainda não foram salvas, cometemos um erro. Porque quando Satanás olha pras pessoas do mundo, ele vê pessoas da qual ele tem autoridade, mas quando ele olha para a igreja, ele vê alguém que está acima da sua autoridade.

Quando Satanás chega perto da gente, a autoridade que ele ia exercer tem que parar. Como Igreja, não podemos viver uma vida apática do mundo lá fora, pois onde a Igreja não se mete, Deus não tem influência. Não podemos nos fechar e deixar o mundo apodrecer rapidamente, pois onde a igreja não alcança, Deus não alcança. Deus decidiu interferir nessa terra através da nossa vida, por isso precisamos estar em todos os lugares. A influência da Igreja não pode passar despercebida, pois onde chegamos, chega uma autoridade maior da que o diabo estava acostumado a exercer. Onde estivermos, Deus vai poder influenciar.

SEM COMENTÁRIOS

DEIXE UMA RESPOSTA