Não se isole!

Postado em
1

por Thiago Borba                             

“Busca satisfazer seu próprio desejo aquele que se isola; ele se insurge contra toda sabedoria. O tolo não tem prazer na sabedoria, mas só em que se manifeste aquilo que agrada o seu coração” (Provérbios 18.1-2).

Quero falar sobre o individualismo exagerado que leva muitos de nós a rejeitar o bom senso. Existem pessoas que se isolam e tendem a rejeitar a sensatez. O bom senso é aquilo que entendemos como o comportamento adequado.

Lembro quando o pastor João Roberto nos falava sobre famílias tradicionais que antigamente aprendiam em casa a dar a sua palavra e cumpri-la. E vemos nessa geração muitas pessoas rejeitando o bom senso, que querem expressar apenas as suas próprias opiniões.

“Mas, se tardar, para que saibas como convém andar na casa de Deus, que é a igreja do Deus vivo, a coluna e firmeza da verdade” (I Timóteo 3.15).

Paulo, ensinando a Timóteo, disse que nós como igreja somos alicerce e sustentamos a verdade. Somos os responsáveis em manter a verdade de pé. Somos base e alicerce do que a Palavra de Deus considera verdade. No mundo o conceito de verdade tem sido relativizado. Pessoas estão no mundo querendo expressar apenas a sua própria opinião. O que consideramos errado, elas consideram certo.

O que aconteceria se a gente começasse a relativizar todos os princípios? Imagine se fôssemos relativizar os sinais de trânsito. Já pensou na confusão? Imagine se relativizarmos os princípios da Palavra de Deus? Se agirmos assim, estaremos correndo perigo. Se ignorarmos os desígnios do diabo ele pode nos prejudicar.

No mundo oriental e ocidental temos culturas diferentes. Li recentemente um livro sobre esse tema. No oriente, por exemplo, os pais escolhem o casamento dos filhos, aqui no ocidente, nós somos livres para tomar a decisão sobre a nossa vida e nosso casamento.

Não há nada de errado em ter a nossa opinião própria, mas devemos ter cuidado para não termos pensamentos errados com relação à Palavra de Deus.

Um individualismo exagerado pode ensinar jovens e adultos a ter opinião própria, mas ao mesmo tempo não respeitar a opinião de mais ninguém, não acolhendo conselhos dos mais maduros, expressando apenas as suas opiniões.

Vemos na internet inúmeras frases de ideias individualistas. Frases como: “Sua opinião não paga as minhas contas”“Não preciso da opinião de ninguém, preciso de 5 milhões de reais”. São frases comuns que os nossos jovens estão concordando e compartilhando. Algumas, são comuns e estão em sites ditos de inspiração para nossa vida. Parece estar certo, mas algumas levam a extremos muito perigoso.

Frases que têm assediado os nossos jovens, frases lacradoras, feitas para chamar a atenção dos nossos jovens e até adultos que se isolam nos seus próprios conceitos, e agora estão filtrando as instruções dos seus pais, ou ainda ignorando-as completamente, já que não precisam ouvir a opinião de ninguém.

Existem pessoas que devemos ouvir seus conselhos. Não é errado ter as minhas ideias, o problema é ignorar o bom senso e não aceitar os conselhos de seus líderes e pais, por exemplo. 

Tem pessoas que acham que não precisam da opinião de ninguém, nem a de Deus.

A Bíblia nos ensina a não confiar apenas no que pensamos, mas devemos nos cercar de pessoas mais maduras que podem nos ensinar. Nós precisamos dos outros.

“E, como eles não se importaram de ter conhecimento de Deus, assim Deus os entregou a um sentimento perverso, para fazerem coisas que não convêm; Estando cheios de toda a iniquidade, fornicação, malícia, avareza, maldade; cheios de inveja, homicídio, contenda, engano, malignidade; Sendo murmuradores, detratores, aborrecedores de Deus, injuriadores, soberbos, presunçosos, inventores de males, desobedientes aos pais e às mães; Néscios, infiéis nos contratos, sem afeição natural, irreconciliáveis, sem misericórdia; Os quais, conhecendo o juízo de Deus (que são dignos de morte os que tais coisas praticam), não somente as fazem, mas também consentem aos que as fazem”(Romanos 1. 28-32).

Existe um perigo em ignorar os princípios de Deus. Pessoas assim só consideram seus achismos. Se a cabeça das pessoas começarem a achar errado os sinais de trânsito teremos muitos acidentes.

Nesses últimos dias, eu aconselho você a ler o livro de Rick Renner “Como manter a cabeça no lugar nesse mundo louco”.

“Porque virá tempo em que não suportarão a sã doutrina; mas, tendo comichão nos ouvidos, amontoarão para si doutores conforme as suas próprias concupiscências” (II Timóteo 4.3).

Existem pessoas que só ouvem outras que pensam como elas. Ministros estão, por vezes, baseando a sua mensagem no que a audiência está dizendo, baseado em quantos seguidores eles têm. Não existe nada de errado ter muitos seguidores, se você está falando a coisa certa.

Mas devemos ter pessoas maduras a quem precisamos prestar contas. Devemos estar submissos a alguém mais maduros espiritual e ministerialmente.

“Falando disto, como em todas as suas epístolas, entre as quais há pontos difíceis de entender, que os indoutos e inconstantes torcem, e igualmente as outras Escrituras, para sua própria perdição” (II Pedro 3.16).

Muitos ministros que são apontados por Pedro naquela época, começaram de forma correta, mas, no meio do caminho, mudaram seus pensamentos. Você precisa prestar contas da sua vida a pessoas mais maduras e ser submissas a elas. Isso é um lugar de segurança e, por vezes, pode parecer um limitador.

Nenhum de nós está livre de se desviar dessas coisas. Nenhum de nós está livre de achar que a Bíblia precisa ser atualizada. Precisamos nos apegar à Palavra de Deus e aos seus princípios. Tenha pessoas que são referenciais na sua vida. Ouça essas pessoas e pergunte a opinião delas, isso é cuidado na sua própria vida.

Somos ministros da verdade, alicerces da verdade, não se isole, se cerque de pessoas boas.

Todos nós somos influenciáveis, a gente pode escolher quem irá nos influenciar, quem andará conosco e com quem vamos gastar tempo. Amar não é ser conivente com o erro das pessoas, não é aceitar tudo, amar é zelar pelos mandamentos da Palavra de Deus.

 

*Trechos da mensagem durante a Conferência de Ministros Nordeste 2021.

1 COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA