17 DE JUNHO – Ajudando o próximo a ter vida

Postado em
1

 

Jesus, pois, operou também, em presença de seus discípulos, muitos outros sinais, que não estão escritos neste livro. Estes, porém, foram escritos para que creiais que Jesus é o Cristo, o Filho de Deus, e para que, crendo, tenhais vida [zoé] em seu nome. JOÃO 20.30,31

Jesus fez muitas coisas que não foram registradas no Evangelho segundo João, nem nos demais Evangelhos. Mas, tudo foi escrito nesses livros com um fim específico. Qual é esse fim? Para que creiais que Jesus é o Cristo, o Filho de Deus, e para que, crendo, tenhais vida [zoé] em seu nome (To 20.3 lb).

O objetivo é que recebamos a vida eterna!

Você, como cristão, precisa saber como ajudar os outros a receberem a vida eterna. O primeiro passo é levá-los a ler ou a escutar aquilo que está escrito nos Evangelhos, a fim de que saibam que Jesus é o Cristo, o Filho de Deus; e que, como Filho de Deus, Ele tornou a vida espiritual disponível aos homens, para que não mais estejam mortos em seus delitos e pecados (Ef 2.1).

A Palavra, em João 3.15,16, nos ensina acerca do motivo que levou Cristo a entregar-Se por nós: Para que todo aquele que nele [em Jesus] crê não pereça, mas tenha a vida [zoé] eterna. Porque Deus amou o mundo de tal maneira que deu o seu Filho unigênito, para que todo aquele que nele crê não pereça, mas tenha a vida [zoé] eterna.

Confissão: “Creio que Jesus é o Cristo, o Filho de Deus e, crendo, recebi zoé em Seu nome. Nunca perecerei, pois tenho zoé. Tenho a vida de Deus, isto é, a natureza de Deus permanecendo em mim”.

1 COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA