Verbo FM

Fé na prática

denise
Dennise Medeiros
Integrante dos Jovens Mais de Deus em Campina Grande

Zelo tem crescido dentro de nós. Eu creio que o Espírito Santo está despertando a igreja para que ela se torne cada dia mais pura, mais limpa, mais adornada para a sua vinda. Eu sei que dói, muitas vezes, ouvir que precisamos melhorar, mas se o Pai está nos chamando um nível acima, então, é porque Ele sabe que podemos subir a um nível maior de maturidade.

“Cobiçais, e nada tendes; matais, e sois invejosos, e nada podeis alcançar; combateis e guerreais, e nada tendes, porque não pedis. Pedis, e não recebeis, porque pedis mal, para o gastardes em vossos deleites.” – Tiago 4:2-3

Chegou o tempo de crescermos, de pararmos de pensar que o mundo gira em torno de nós, porque ele não gira. Ou de achar que nós só estamos aqui para vivermos uma vida suprida e cada um que “desenvolva sua fé” para tal, afinal, não temos nós todos a mesma Palavra? Eu não estou dizendo que Deus não quer que vivamos extraordinariamente, porque Ele quer muito. Também não é correto querer que outra pessoa creia por nós a vida inteira. Mas ser um cristão está além do que ter os nossos desejos e necessidades pessoais satisfeitos. Na verdade, ser como Cristo é bem mais do que desejar desenvolver a nossa fé para nos enchermos de coisas novas e caras.

Eu não sou a única pessoa do mundo que tem necessidades e desejos. Se nós pararmos pra pensar, somos apenas um entre os mais de sete bilhões de seres humanos no mundo. Humanos esses que tem necessidade de salvação, de conforto, de comida, que tem sonhos, planos… Eles são gente, igual a gente. Enfim… Onde quero chegar com tudo isso?

Vamos focar em pessoas, não em coisas!! Devia doer no nosso coração saber que enquanto “luxamos” existe um irmão da nossa igreja passando fome 🙁 Isso se a gente sequer chegasse a saber, porque falando sério, a nossa carne gosta de dar importância ao que ela vê possibilidade de retorno. Ajudar um anônimo na igreja não dá ibope, então geralmente deixamos isso pra lá ou pra o pastor fazer). E assim vamos vivendo, gigantes na fé e, muitas vezes, bebês no andar em amor. E quando as coisas que cremos não acontecem, começamos a agir exatamente como uma criançinha mimada, batendo o pé e choramingando: “Cadê Deus, cadê o meu pedido?”

Irmão, não me interprete de forma errada. Eu não estou dizendo que a partir de agora não devemos mais estudar sobre fé e só fazer caridade. Mas eu acredito sim que a Igreja está egoísta demais! As coisas estão chegando num ponto de nós ofertamos na vida do irmão pensando: “Eita glória, o que será que Deus vai me dar como recompensa?!” quando o simples DAR já é sinônimo de Deus ter nos abençoado antes. Fomos chamados para um nível mais alto de comportamento, pensamento e intenção do coração. Podemos desenvolver dentro de nós o mesmo sentimento que houve em Cristo.

1 Comentário

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

NewsLetter

Cadastre-se em nossa lista para receber atualizações de nosso portal. 

Destaques da semana​

Estude no Maior Centro de Treinamento Bíblico do Mundo!