Lançamento da Biografia do Ap. Bud Wright foi repleta de alegria e emoção

Postado em
1

Depois de anos de trabalho e expectativa, o tão esperado livro que conta toda a história de vida do Ap. Bud Wright chegou esta semana da gráfica e foi lançado, oportunamente, na Reunião de Pastores e Diretorias das igrejas e escolas do Ministério Verbo da Vida, na tarde desta Quinta-Feira, 25.

A biografia, escrita por Perilo Borba, coordenador de Comunicação do MVV, agora já está disponível para o mundo conhecer a história e detalhes inéditos sobre a vida desse missionário americano, que deixou a sua terra natal para abençoar o Brasil e as nações do planeta com o poder da Palavra da Fé e o amor. 

A emoção tomou conta de todos durante o lançamento, especialmente Perilo Borba.“A sensação que tenho é de missão cumprida e muita, muita gratidão a Deus, à minha família e à minha liderança. A maior lição que tenho é que, de fato, como está nas Escrituras, ‘há tempo para todo propósito debaixo do céu’. O livro saiu no tempo certo e, por isso, no melhor formato que poderia ser feito”, comentou o escritor. 

O Ap. Guto Emery, presidente do MVV, disse que conhecer a história do Ap. Bud é de suma importância para saber quem realmente ele era. “Sempre costumo dizer que a vida do pastor Bud já era uma grande pregação para mim e para todos que, de alguma forma, puderam conviver com ele. Ele nos inspirou a viver pela fé. O amor que a gente tinha pelo Pr. Bud e ele por nós era muito grande. Eu sempre falo para as pessoas que esse tipo de comportamento que a gente adquire pelo conhecimento da Palavra nos faz ser uma bênção para as pessoas”, falou o apóstolo emocionado.

Mama Jan, vice-presidente do MVV, estava muito entusiasmada com o resultado da biografia. Ela comentou sobre o quanto é difícil falar sobre a vida de outra pessoa, sem ter convivido, sem estar lá. “Eu ajudei Perilo e tive muito cuidado para corrigir o que Bud falou. A biografia ficou linda demais. Ficou excelente! Está muito mais bonita do que eu poderia imaginar, com uma qualidade muito boa. Dá vontade de colocar em uma mesa para que todos possam ver”, completou Mama. 

Suellen Emery, coordenadora da Agência de Missões Verbo da Vida, contou que uma das coisas que mais lhe chamou a atenção na vida do Ap. Bud era a sua vida de fé. “Ele ensinava com palavras, mas também com ações. Ele era um homem guiado pelo Espírito. Ele não tinha nenhuma técnica missionária e não teve uma preparação transcultural. Mas eu vejo que ele foi guiado em todas as decisões que tomou, para escolher as pessoas certas para montar a estrutura do ministério. O Pr. Bud foi um pai pra mim. Olhando para trás, acredito que foi o Senhor que nos juntou a ele”, disse Suellen.

Outra pessoa que ficou muito emocionada com o lançamento da biografia foi Sylvia Lima, coordenadora da Escola de Ministros Rhema. Ela falou: Já chorei de emoção e alegria, de relembrar a vida do Pr. Bud. Fico muito grata por a gente ter esse registro escrito para que todos possam conhecer esse homem extraordinário, tão simples, tão cheio de amor que foi o Pr. Bud. Se você puder compartilhar essa biografia, essas histórias que foram transmitidas com tanta sensibilidade pelo coração de Perilo, as pessoas vão ser inspiradas como nós fomos e também vão se apegar a ele”.

Um outro momento emocionante do lançamento foi a apresentação de um vídeo com a Vovó Lau, mãe de Sylvia Lima, que recebeu a biografia em primeira mão. Ela abraçou o livro chorando, dizendo que o Pr. Bud, além de pastor, foi amigo. “Foi amigo nas horas mais difíceis. Quando meu marido morreu, todo dia de culto ele mandava o motorista pegar a gente. Era um homem de palavra e de fé. Um homem cheio de amor. Ele nunca foi de machucar ninguém. Tinha o maior prazer de ter as pessoas junto dele”, comentou. Confira o vídeo:

O último entrevistado no lançamento da biografia foi o pastor Raphael Frota, hoje pastor presidente do Verbo da Vida em João Pessoa (PB). Raphael lembrou que, quando veio para Campina Grande, teve a oportunidade de conhecer o Pr. Bud. O pastor era a personificação da mensagem que ele carregava. Perilo conseguiu transmitir, na biografia, esse ambiente de descontração e respeito, seriedade e convicção que o Pr. Bud tinha pelas coisas do Senhor. E esse ambiente permeia o Verbo da Vida. Essa biografia vai acender o coração de muitas pessoas no nosso país e fora dele“, finalizou o ministro. 

“Vocês me amam ainda?”

“Deus é pontual com você? Então, seja pontual com Ele também.”

“Se não quer viver em linha com a Palavra, a porta lá atrás está aberta.”

“Não fale negativo!”

Quem é do Verbo da Vida já deve ter ouvido algumas dessas expressões bem características do Ap. Bud. Com uma personalidade forte e grande determinação em tudo o que fazia, o americano fundador do Ministério Verbo da Vida muitas vezes foi incompreendido por alguns. Mas aqueles que lhe eram mais chegados conheciam o grande homem de Deus que ele era e que não media esforços para fazer cumprir os propósitos de Deus na sua vida. Assim, o tempo mostrou o coração íntegro e o espírito visionário do missionário que deixou um legado de imenso valor. 

Contar toda a sua história não foi algo fácil e, muito menos, rápido. A ideia surgiu quando Perilo participou, junto a uma caravana de brasileiros, do evento Homecoming, na Igreja Bíblica Rhema nos EUA, em fevereiro de 2009. Ele contou que, quando o Ap. Bud testemunhava sobre sua trajetória ministerial, o desejo de escrever um livro sobre sua história veio ao seu coração. Perilo, que já era colaborador do Departamento de Comunicação do MVV, disse que a maior testificação dessa ideia foi quando, no dia seguinte, o Pr. Kenneth W. Hagin falou que as pessoas precisavam conhecer a história desse caminhoneiro, ao se referir a Bud Wright.

O autor disse que não teve coragem de falar com o Ap. Bud sobre esse seu desejo, mas a biografia já estava sendo gerada e Perilo começou a colecionar as informações para o futuro projeto. Com o passar do tempo, aquele desejo foi ganhando forma. Em 7 de novembro de 2013, quando o Ap. Bud foi para o Senhor, Perilo reuniu sua equipe e coube a ele escrever o texto que, segundo ele, foi o pontapé inicial para o início da biografia.

“Foi a graça do Senhor e a inspiração do Espírito que me capacitaram para escrever o que considero o texto mais difícil da minha vida. Mas também considero o melhor, tecnicamente falando, devido todo o contexto.”

Perilo Borba já escreveu outras publicações e é autor do livro “Deus Curte. Eu Compartilho”, também lançado pela Editora Rhema Brasil Publicações. No entanto, ele disse que, fazer a biografia do Ap. Bud, foi uma responsabilidade muito grande. “Um dos meus objetivos era que a biografia não ficasse tão grossa, com tantos detalhes desnecessários, e que não fosse um conteúdo apenas informativo, mas um conteúdo também edificante. Então, o Senhor foi me dando algumas direções do que fazer, do que destacar, sempre colocando transcrições e falas, tanto de conversas que eu tive com o Pr. Bud quanto de pregações dele, que foram transcritas por conta da coleção Legado”, disse o autor.

Conteúdo comovente e um trabalho impecável

Confira o emocionante vídeo sobre a biografia:

Não tem como não derramar algumas lágrimas durante a leitura da história desse grande líder. A biografia, além de revelar fatos marcantes da infância, casamento e vida ministerial do Ap. Bud e Mama Jan, apresenta trechos de pregações e depoimentos do apóstolo, fotos exclusivas desde criança, testemunhos inéditos de frutos do ministério dele e transcrições, na íntegra, de pregações especiais do seu ministério. Além de um cuidadoso trabalho de pesquisa e redação, a biografia contou com a competência de diversos profissionais.

O coordenador da Rhema Brasil Publicações, Samir Souza, falou sobre a importância do livro para a editora: “Estou muito feliz com o resultado deste trabalho. A biografia é o livro nº110 do catálogo de nossa editora, um título com significado singular para a instituição e história do Verbo da Vida. Expectativas superadas para o projeto gráfico que ficou impecável: papel, cores, design de primeira qualidade”. 

E, por falar em projeto gráfico, a diagramação ficou por conta de Bárbara Gisele, que é colaboradora da editora. “É sempre muito emocionante a chegada de um livro novo. Como sempre falamos na nossa área, ‘é um nascimento de um filho’. Mas a expectativa dessa biografia teve um gostinho especial, não somente por ser um livro fisicamente diferente dos outros, mas pelo significado que ele tem para nós. Somos, como editora, fruto da obediência dele. Então, não é só uma nova obra, é parte da nossa história que também foi impressa”, disse Bárbara.

Filipi Rodrigues, integrante da Coordenação de Comunicação do MVV, foi o autor da capa. Ao receber a solicitação da criação da capa da biografia do pastor Bud, ele disse que seu primeiro sentimento foi de honra. “Não apenas pelo desafio de criar algo inovador, mas também por unir em uma só imagem toda uma história singular de fé e ousadia que tanto impactou a minha vida e, com certeza, a sua também”, concluiu o profissional. 

Vale destacar que a biografia do Ap. Bud foi impressa com material de excelente qualidade, com formato diferenciado, colorido, capa dura, com um box especial. 

 

Confira alguns trechos da biografia
(Spoilers!)

Uma das frases da qual ele se lembrava ter dito naquela sua oração foi: “Eu vou para qualquer lugar que o Senhor me mandar. Eu farei tudo o que o Senhor me mandar fazer. Eu direi tudo o que o Senhor me mandar dizer, não importa o que as pessoas possam pensar”.

“Eu me lembro de que o pastor Bud dizia: ‘Rapaz, Deus foi tão bom comigo que me deu uma esposa tão bonita, quando eu sou tão comum’. Era muito engraçado. Ele amava muito Jan”, disse Guto Emery.

“A gente declarou tanto que iríamos para o Rhema e depois para o Brasil que, quando chegou o tempo de ir, mesmo sem tanto dinheiro, a gente não tinha dúvidas de que conseguiríamos”, disse Mama Jan.

“Não estude no Rhema por dois anos e depois se esqueça de tudo o que aprendeu. Saiba que isso é possível se você não continuar ouvindo, lendo, meditando, confessando e, principalmente, praticando em sua vida diariamente”.

“Aleluia! Glória a Deus! Eu não tenho vergonha de falar, nem de errar. Eu vou tentar, não importa se vou errar e as pessoas vão rir. Sabia que muitos brasileiros não estão falando inglês bem ainda porque têm vergonha? Se quiser falar outro idioma, você precisa perder a vergonha de falar e o medo de errar, irmão.”

Entrevista com o autor

Como foi escrever a biografia de alguém tão importante para o ministério?

Foi um longo e desafiador processo. Comecei com alguns esboços. Mas eu vi que tinha muitas lacunas para a história dele, como um todo. Ele não falava muito sobre alguns assuntos, principalmente do passado dele. Aí, eu contei com a pesquisa, entrevistas que fiz. E também com a ajuda do Ap. Guto, Mama Jan e Luíssa Emery (filha de Guto). Em uma viagem para os Estados Unidos, eles foram para a cidade do Pr. Bud, entrevistaram a família deles para mim. Esse conteúdo agregou muito para os primeiros capítulos do livro. Depois, eu tive três conversas com Mama Jan. Primeiro, para ouvir o lado dela e, depois, para ir preenchendo as lacunas, porque ela vivenciou praticamente tudo do ministério com ele. Fui colocando também transcrições e falas, tanto de conversas que eu tive com o Pr. Bud quanto de pregações dele, como as da coleção Legado. Contei ainda com diversos e valiosos depoimentos de pessoas que conviveram com ele. 

O que mais o marcou ao escrever a biografia?

O mais marcante para mim é que ficou um livro enxuto, com uma história inspiradora. O pastor fez muitas coisas exemplares e que a maioria das pessoas não teve conhecimento dessas coisas. Muitos só viram o Pr. Bud como o presidente do Ministério, já muito conhecido e com a vida muito próspera. Eles não sabiam tantos detalhes sobre o processo de obediência ao Senhor que o levou até lá. Isso, para mim, é o mais marcante da biografia. E ainda tem as pequenas ações que o Pr. Bud sempre teve, que mostravam a sua generosidade. 

Quais surpresas você teve ao buscar novas informações sobre o Ap. Bud?

Eu fiquei bem surpreso com a história do primeiro casamento dele e de Mama Jan. Eles passaram pelo divórcio, mas não por culpa deles. Fui muito tocado pela forma como eles superaram e, juntos, foram restituídos nessa área da vida. Outro fato surpreendente da biografia foi a restauração do relacionamento dele com o filho Dennis, que tinha ficado magoado com o pai por ele ter vindo para o Brasil. São histórias de superação que foram bem marcantes para mim.

Veremos informações sobre a infância do apóstolo?

No primeiro capítulo, tem algumas informações sobre a infância dele, com vários depoimentos interessantes e até algumas histórias engraçadas com os seus dois irmãos. Além disso, tem também fotos inéditas dessa fase.

Existe uma ideia de que o Ap. Bud era, ao mesmo tempo, um homem duro, em muitos momentos, quando defendia as coisas corretas e um homem sensível, que até criava orquídeas. Como esses aparentes opostos se faziam presentes em uma só pessoa?

Essa pergunta é interessante. De fato, esses aparentes opostos se faziam presentes na vida dele e aparecem a todo tempo na biografia. Ele era um homem cheio de amor, cheio de compaixão, que amava ajudar os outros e viveu em prol de pregar e servir às pessoas. Mas também era um homem muito sério com a Palavra e não abria mão de agradar a Deus para agradar as pessoas. Ele queria, sim, ajudar as pessoas, mas sempre agradando a Deus. Isso, ele não negociava. Era um homem de caráter mesmo e que transmitia isso para quem estava perto dele. A biografia fala desse lado pessoal do Pr. Bud, que gostava de orquídeas, animais, pesca e que também gostava de se divertir. 

Como resumiria o Ap. Bud, após ter escrito essa biografia?

Eu realmente resumo o Pr. Bud como um homem de Deus, exemplar, que tinha suas falhas, como todo homem tem, mas que tinha um coração segundo o coração de Deus. Um homem de fé, que não tinha ambições pessoais. Um homem de Deus, que ensinava as pessoas a dependerem do Senhor. Ele não era um líder centralizador, para que as pessoas dependessem dele. Como ele mesmo dizia, ele não se via como a única estrela do Ministério Verbo da Vida. Ele entendia que o Ministério era uma constelação e ele era somente uma de suas estrelas. 

Clique aqui e adquira a sua biografia no Verboshop.com.br 

*Além de escritor e coordenador de Comunicação do Ministério Verbo da Vida, Perilo Borba é integrante do conselho da diretoria do MVV, professor do Rhema Brasil, da Escola de Ministros Rhema e Escola de Missões Rhema e pastor auxiliar da Igreja Verbo da Vida Sede em Campina Grande (PB).

1 COMENTÁRIO

  1. Caramba, que coisa maravilhosa essa biografia do Ap. Bud. Lembro que cheguei no Ministério Verbo da Vida em 2017 e, após ouvir diversas histórias e testemunhos dele, meu coração ficou desejoso demais de poder ver e conhecê-lo. Mas fiquei sabendo que já havia partido para estar com o Senhor, porém, me falaram sobre os livros da coleção Legado. E ao começar a ler meu coração se encheu de alegria e expectativa de poder conhecer mais sobre esse grande homem de Deus. E essa biografia é um grande presente para todos os verbianos.

DEIXE UMA RESPOSTA