Maná Diário

Pregação de Manoel Dias (Sexta-Feira de manhã)

Algo que me impressiona bastante no Evangelho segundo João, é como a consciência de missões de Jesus fica tão clara. Ele sempre dizia: o Pai me enviou!

Grandes coisas têm acontecido em nosso meio, como igreja e até como indivíduos, mas, muitas vezes temos perdido o foco.

Jesus tinha, como algo muito forte, a percepção do seu propósito e da sua missão.

Em João 4, está o relato daquele encontro de Jesus com aquela mulher samaritana. Jesus fala pelo espírito sobre a vida daquela mulher e, quando ela voltou a cidade e contou tudo o que ouviu de Jesus, pessoas creram e se voltaram para Deus. Neste capítulo, vemos o lado missionário de Jesus com muita clareza. Ele foi um missionário e cumpriu bem o seu papel.

Chegou o tempo em que este amor pela obra missionária deve está tão forte em nós, que aqueles que se aproximarem devem ser contagiados por esta paixão por missões.

Mas, antes, seja, você, incendiado por missões!

As fronteiras são mais curtas nos dias de hoje do que nos dias de Paulo. Em poucas horas, estamos do outro lado do mundo.

Ontem vimos algo interessante sobre sementes com Scott Webb, e o que Jesus depositou no coração daquela mulher foi esta semente para missões. Ele transmitia isso. Ele disse aos discípulos que os campos estão brancos, falando sobre aquelas pessoas que estavam se aproximando dEle.

Há 10 anos, eu estive na Bolívia para ministrar na formatura da Escola na igreja do Pr. David Larsson… ministrei durante sete dias e no meu dia de descanso, eu subi a montanha com ele. Do alto daquela montanha, era como se eu visse do Chile ao Peru e Deus me disse que aquelas nações seriam alcançadas por esta Palavra. A América do Sul já não é mais tão longe, é logo ali, é como Samaria para nós. Temos que nos mover com o coração missionário.

Jesus não perdeu a consciência do que Ele tinha para fazer, mesmo indo até a cruz. E uma das primeiras coisas que Ele disse após ressuscitar foi: “Assim como o Pai me enviou, eu vos envio”.

A unção vem sobre a sua vida para que você possa trabalhar na obra do Senhor e gastar os seus dias aqui na terra neste propósito. Ungido, você vai ter coragem de fazer coisas nunca feitas.

Uma das palavras mais poderosas que ouvi do missionário Simon Potter foi durante uma conversa informal. Ele, com apenas três palavras, me deixou impactado. Ele me disse: O Mundo é pequeno!

Pensar sobre isto mudou a minha percepção sobre fronteiras territoriais, as quais pareciam grandes, mas, facilmente são ultrapassadas.

Se colocarmos os limites, eles nos prenderão, mas, se não limitarmos Deus, veremos Efésios 3.20 cumprindo-se e nós: “Ele é poderoso para fazer infinitamente mais além do que pedimos ou pensamos, conforme o seu poder que opera em nós”.

Não se veja pequeno. Não se veja como uma bombinha de festa junina, pois Deus lhe vê como um míssil. Avance!

O Ap. Bud veio para o Brasil, como se diz, “com a cara e a coragem”, mas trouxe dentro da bagagem essa consciência de missões. E hoje, ele e Jan não são apenas um casal, mas uma multidão.

Todo homem quer ser rei, todo Rei quer ser Deus, mas Deus decidiu ser homem! Esta foi a missão de Jesus. Foram 33 anos longe das moradas do Pai. Prepare-se para ficar longe do conforto do seu lar, Deus vai lhe levar! Fique livre para fluir com o vento de Deus.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Destaques da semana​

Estude no Maior Centro de Treinamento Bíblico do Mundo!