Verbo FM

Origem

Aliny Gaudard
Aluna da Escola de Missões Rhema

Você foi planejado por Deus antes da sua origem (Jr 1.4). Podemos facilmente contemplar ao olhar a descrição do tabernáculo, as instruções dadas a Noé para a construção da arca, que o nosso Pai pensa em todos os detalhes. Por que conosco, que somos feitos imagem e semelhança dEle, seria diferente? (Gn 1.26)

Sim! Ele pensou em tudo, em cada detalhe, na sua afinidade com as palavras ou com os traços, se você dança no chuveiro ou tem uma coordenação motora ímpar, se você faz música ou poesia, se a sua paixão é por quadros, fotografia ou cinema… Ele colocou em seus olhos uma perspectiva única de ver o mundo e em você diversas habilidades de expressão. Todas essas habilidades têm uma ORIGEM:

“Toda boa dádiva e todo dom perfeito é proveniente do alto, descendo desde o Pai das luzes, em quem não há mudança, nem sombra de variação” (Tiago 1.17 – Bíblia livre).

Ele é a Origem, a causa, a razão, o motivo e também a direção final, o objetivo, o propósito. A expressão dos dons também deve expressar a glória do Criador. 

“Porque Dele [todas as ciosas se originam] e através Dele [todas as coisas vivem e existem] e a Ele todas as coisas [direcionadas]. A Ele seja a glória e a honra para sempre” (Romanos 11.36 – Bíblia Amplificada)

O propósito dos dons e talentos é a edificação do corpo de Cristo. Como seus dons tocam o corpo de Cristo? Como os seus dons expressam a essência de Deus e tocam as vidas? Há um propósito maior do que ser simplesmente um bom escritor, poeta, músico, fotógrafo, cantor ou dançarino.

“Mas a graça foi dada a cada um de nós segundo a medida do dom de Cristo. Por isso diz: Subindo ao alto, levou cativo o cativeiro, e deu dons aos homens” (Efésios 4.7-8)

A arte que pulsa em você é para tocar vidas. Nossos dons são luz, uma luz que permite tocar as vidas de diversas formas. Nossos dons são ferramentas específicas e fundamentais para que o corpo de Cristo seja forjado em excelência como Deus o planejou para ser.

“Nem se acende uma candeia para coloca-la debaixo do alqueire, mas no velador, e alumia a todos os que se encontram na casa. Assim brilhe também a vossa luz diante dos homens, para que vejam as vossas boas obras e glorifiquem a vosso Pai que estás no céu” (Mateus 5. 15-16 ARA)

A convicção não abre espaço para o temor, seja convicto da sua origem! E assim como o Apóstolo Paulo, seja um encorajador! Permita que a sua gratidão e honra a quem lhe confiou tais talentos e, a sua ousadia em se expressar guiado por ELE que é a nossa maior inspiração toque e impulsione aqueles que estão numa posição de timidez.

Paulo tem o cuidado de encorajar, mais de uma vez, o jovem Timóteo:

“Não desprezes o dom que há em ti” (I Timóteo 4.14)

“Por cujo motivo te lembro que despertes o dom de Deus que existe em ti…”  (II Timóteo 1.6 )

Deixe a glória de Deus brilhar através dos seus dons e talentos. Você é único e foi planejado nos mínimos detalhes desde a sua Origem.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

NewsLetter

Cadastre-se em nossa lista para receber atualizações de nosso portal. 

Destaques da semana​

Estude no Maior Centro de Treinamento Bíblico do Mundo!