Verbo FM
MEMORIAL

Rozilon Lourenço

“Eu sou imorrível”, declarava sorrindo Rozilon Lourenço, balançando a cabeça e o dedo indicador, nas muitas oportunidades que pregava e contava aos irmãos os feitos do Senhor. Ele tinha razão. Sua certeza estava amparada na promessa divina, expressa no Evangelho de João 5.24:

“Na verdade, na verdade vos digo que quem ouve a minha Palavra, e crê naquele que me enviou, tem a vida eterna, e não entrará em condenação, mas passou da morte para a vida”.

BIOGRAFIA

Rozilon Lourenço e Dayane Rocha foram casados por 13 anos e pais de 2 filhos, Lucas e Pedro, de 10 e 6 anos, respectivamente. Ele ganhou o primeiro livro do Reverendo Kenneth Hagin em 1994, Crescendo Espiritualmente.

Natural de Patos (PB), viveu intensamente os seus 46 anos.

Em outubro de 1997, entrou no Verbo da Vida, sendo graduado pelo Centro de Treinamento Bíblico Rhema em 1998. Em 1999, ele iniciou o trabalho na Igreja Sede como pintor das treliças, por aproximadamente 6 meses. Durante uma conversa entre o Ap. Guto e o Pr. João Roberto, Rozilon foi convidado para viajar a Recife.

Não sabia ele que seria convidado por Guto para assumir umas das igrejas naquela cidade. À época, o Apóstolo assumiu uma e ele a outra. Interessante é que, antes disso, o Ap. Bud tinha dito a Guto que se Rozilon conseguisse colocar a igreja “em ordem” em 6 meses, ele seria ordenado direto, sem precisar o licenciamento antes, e assim, aconteceu. Em fevereiro de 2000, Rozilon foi o pastor mais jovem do Verbo da Vida a ser ordenado pelo Ministério, e de lá até os seus últimos dias, ele dedicou sua vida ao chamado ministerial em tempo integral. Após pastorear a igreja em Recife por 7 anos, ele recebeu um convite para ir a Uberlândia (MG) iniciar a obra na cidade. Ele e Renato Gaudard ficaram à frente da igreja, que inicialmente acontecia nas casas e logo foi alugado um prédio.

Após 2 anos, Rozilon voltou para Campina Grande e foi convidado para elaborar o currículo e ser o primeiro diretor da Escola de Missões Rhema em 2007. Ele também foi o criador da tão famosa Aula de Resistência, onde buscou inspiração no Rhema dos Estados Unidos. Após sete anos à frente da Escola, ele “passou o bastão” para Suênia Ramírez.

Já em 2008, iniciou como supervisor em algumas igrejas, chegando ao total de 5 supervisões em: Mato Grosso (MT), Mato Grosso do Sul (MS), Fortaleza (CE), Caruaru (PE) e interior da Paraíba. Antes de partir, ele continuou com esse trabalho no interior paraibano e falava disso com muito orgulho.