A oração não é uma opção

Postado em
0

Por Marizete Garcia

Olá pessoal graça e paz tudo bem com vocês?

É um prazer estar de volta lançando pérolas aos nossos leitores para que possam ir mais longe e mais alto em Deus. Este tema vai dar continuidade ao que vínhamos abordando, na verdade faz parte dos nossos pilares poderosos pra uma construção saudável e realizadora em Deus. Estou aqui lhe convidando a ser ousado o suficiente e desenvolver este nível de relacionamento que redundará em glória maior para a sua vida e, todo o contexto em que está inserido.

Nosso espírito preparado em oração se torna uma força espiritual imbatível. Por esta causa, precisamos rever nossos conceitos de origem, fonte, princípios e propósitos.

O que é oração e por que ela é necessária?
Será que ela realmente afeta nosso destino?

A oração é o resultado da estrutura de autoridade estabelecida entre o céu e a Terra.
Deus sempre desejou um relacionamento conosco e para isto nos deu a Sua palavra como base.

Oração se resume em o homem exercendo sua autoridade legal para invocar a influência do céu aqui na Terra.

“E se o meu povo, que se chama pelo meu nome, se humilhar, e orar, e buscar a minha face e se converter dos seus maus caminhos, então eu ouvirei dos céus, e perdoarei os seus pecados, e sararei a sua terra”. (II Crônicas 7.14)

“Em verdade vos digo que tudo o que ligardes na terra será ligado no céu, e tudo o que desligardes na terra será desligado no céu. Também vos digo que, se dois de vós concordarem na terra acerca de qualquer coisa que pedirem, isso lhes será feito por meu Pai, que está nos céus. Porque, onde estiverem dois ou três reunidos em meu nome, aí estou eu no meio deles.” (Mateus 18. 18-20)

Vemos que afirma que este relacionamento, chamado também de oração, determinará o que acontece na Terra.

Cada desejo, cada ação divina, cada propósito do coração de Deus, o homem foi o veículo, meio, instrumento, porque a Terra os pertencia. Veja que:

Para salvação da humanidade—– Noé

Para criação de uma nação——- Abraão

Para liderar e libertar a nação de Israel— Moisés

Para trazer a nação de Israel de volta do cativeiro—- Daniel

Para derrotar Jericó—- Josué

Para preservação dos Hebreus—-Ester

Para salvação, libertação e cura da humanidade—- Jesus

Deus não faz nada na Terra a não ser que se ore e, o veículo é o homem. Eu e você.

Oração não é uma atividade, ritual, obrigação e nem muito menos uma opção do homem. Mas, uma necessidade do espírito humano. Algo que queima, arde por dentro, que muitas vezes, nem se identifica.

Porém acima de tudo é: poder, graça, confiança e resultados.

Ela tem o poder de criar, transformar, mudar circunstâncias, estabelecer paz, alegria, gerar novas coisas, produzir resultados e nos revelar plenitude.

“E eram ambos justos perante Deus, andando sem repreensão em todos os mandamentos e preceitos do Senhor”. (Lucas 1.6)

“E Zacarias, vendo-o, turbou-se, e caiu temor sobre ele. Mas o anjo lhe disse: Zacarias, não temas, porque a tua oração foi ouvida, e Isabel, tua mulher, dará à luz um filho, e lhe porás o nome de João. E terás prazer e alegria, e muitos se alegrarão no seu nascimento, Porque será grande diante do Senhor, e não beberá vinho, nem bebida forte, e será cheio do Espírito Santo, já desde o ventre de sua mãe. E converterá muitos dos filhos de Israel ao Senhor seu Deus, E irá adiante dele no espírito e virtude de Elias, para converter os corações dos pais aos filhos, e os rebeldes à prudência dos justos, com o fim de preparar ao Senhor um povo bem disposto”. (Lucas 1.12-17)

“E de repente veio do céu um som, como de um vento veemente e impetuoso, e encheu toda a casa em que estavam assentados”. (Atos 2.2)

De repente veio do céu um som… Não de um pregador, de orador, de um chefe, de um pensador, da internet, de um conselheiro…Mas do céu… Não controlados pelo som de uma pessoa, mas do céu.

Avivamento de oração é o que está sinalizado em meu coração a muito tempo.

Você nunca leva ninguém a um lugar que não tenha ido, estado, conhecido primeiro, o raio de influência será muito mais abrangente.

Quando nos mudamos para São Paulo o Senhor nos disse : “Leve-os a entender mais profundamente sobre oração e faça-os depender de mim! O poder da oração é vossa herança! Este poder produz resultados e, eles glorificarão a mim. Porque não há sociedade com a minha glória, ela não dividirei com ninguém, porém, coroarei a cabeça de bondade a quem penetrar, cavar e buscar-me de todo coração, entusiasmo, ousadia e prazer”.

Oração é nada mais que o reino da luz atestando vida sobre o reino das trevas. A vida interferindo sobre a morte.

Por que satanás não quer que o crente entenda sobre oração? Porque uma vez consciente e praticante trará a manifestação do céu para a Terra. Do celestial para o terreno. Do natural para o sobrenatural.

“Venha o teu reino, seja feita a tua vontade, assim na terra como no céu;”. (Mateus 6.10)

As condições dos céus reveladas na Terra.
A fraqueza da carne e o fortalecimento do espírito.
Consciência da aliança, herança, posição.

Elias produziu rompimento. Ele encheu as nuvens com a oração de um justo.
Quando ele orando disse: “não chove”, não choveu. As comportas tomaram posição e lhe obedeceram.

Quando Josué orando disse: “pare a terra” e ela teve que parar ao seu giro. O comando foi tão poderoso que a terra obedeceu.

“Por isso vos digo que todas as coisas que pedirdes, orando, crede receber, e tê-las-eis”. (Marcos 11.24)

A vida de oração é tão certa que somos orientados a considerar que já aconteceu apenas porque já oramos.

Nunca ore sem esperar ser ouvido. Jesus disse:

“Tiraram, pois, a pedra de onde o defunto jazia. E Jesus, levantando os olhos para cima, disse: Pai, graças te dou, por me haveres ouvido. Eu bem sei que sempre me ouves, mas eu disse isto por causa da multidão que está em redor, para que creiam que tu me enviaste”. (João 11.41-42)

“Eu sei que sempre me ouves“. Ela sabia que Deu o ouvia por causa da intimidade, relacionamento e comunhão. Não podemos revelar sua imagem e semelhança ausentes desses princípios.

“Fiel é Deus, pelo qual fostes chamados para a comunhão de seu Filho Jesus Cristo nosso Senhor”. (I Coríntios 1.9)

Quando você entende seu primeiro chamamento, o porquê fora criado, você expressa alegria, prazer, celebração a este estilo de vida.

Oração é a nossa participação nos propósitos dEle, nossa representatividade em Seus interesses. O poder da oração silencia nossos opositores.

“E aconteceu que, estando ele a orar num certo lugar, quando acabou, lhe disse um dos seus discípulos: Senhor, ensina-nos a orar, como também João ensinou aos seus discípulos”. (Lucas 11.1)

Os discípulos julgaram isto essencial e fizeram um esplendoroso pedido. “ensina- nos a orar!”.

Por que não pediram ao mestre para lhes ensinar a curar, a receita de fazer milagres ou expulsar demônios? Porque eles viam Jesus em uma vida contínua de oração e associavam os resultados.

Muitas coisas podem ser criadas por meio da oração, muitas podem ser evitadas, outras transformadas.

Comunhão com Deus era o assunto mais importante do ministério de Jesus. Por causa disto, vemos Jesus sempre focado, centrado, eficiente, tranquilo em meio as tempestades, sabendo como agir em meio a cada uma delas.

Nossa vida de oração em fé decide estações!

Princípios comandados por Deus:

Efésios 6. 18“Orai em todo tempo, com todo tipo de oração e súplica(…)”.

I Tessalonicenses 5.17“Orai sem cessar”.

Lucas 18. 1“Orai sem jamais esmorecer”.

Nossa vida sendo uma oração contínua.

Você não precisa estar inspirado para orar, mas certamente quando orar será inspirado.

Se seus desejos forem os mesmos de Deus, Ele não exitráa em realizá-los.

No próximo blog continuaremos este assunto essencial para as nossas vidas.

Um excelente tempo na presença dAquele que preenche tudo em todos.

SEM COMENTÁRIOS

DEIXE UMA RESPOSTA