Verbo FM

Equilibrados

denise

Dennise Medeiros

Integrante dos Jovens Mais de Deus em Campina Grande

Pois quando a sabedoria entrar no teu coração, e o conhecimento for agradável à tua alma,
O bom siso te guardará e a inteligência te conservará; Provérbios 2.10-11

Tenho procurado atentar, ajustar os meus óculos da realidade para o que é realmente ser espiritual. Não fomos chamados para sermos super-espirituais nem “naturais”, mas espirituais.

 “Porque a palavra de Deus é viva e eficaz, e mais penetrante do que espada alguma de dois gumes, e penetra até à divisão da alma e do espírito, e das juntas e medulas, e é apta para discernir os pensamentos e intenções do coração.” (Hebreus 4:12)

 “E vós tendes a unção do Santo, e sabeis todas as coisas.” (1 João 2:20)

 “Mas o que é espiritual discerne bem tudo, e ele de ninguém é discernido.” (1 Coríntios 2:15)

Eu creio que a Palavra de Deus, o Espírito de Deus e o nosso espírito são as nossas fontes seguras de identificação de “naturalidade x super-espiritualidade”. Eles três são moderados, equilibrados, e aptos para definirem tudo. Por que estou dizendo isso?

Nem tudo de ruim que acontece na vida é coisa do diabo. Existem coisas que são naturais, acontecem mesmo. Existem coisas ruins que são plantações de atitudes ruins que semeamos. E, claro, existem coisas ruins que vem do inimigo.

Um exemplo: “E sucedeu que, derrubando um deles uma viga, O FERRO CAIU NA ÁGUA; e clamou, e disse: Ai, meu senhor! ele era emprestado.” (2 Reis 6:05) Eu não acredito que a viga caiu na água por que o diabo fez cair, ou o homem tinha pecado. Parece até engraçado dizer isso, mas, muitas vezes, essa é a nossa atitude diante das situações. Algo que é natural se torna culpa do diabo, ou de eu não ter tido fé suficiente, ou algum outro motivo fora do equilíbrio.

A bíblia diz que o Senhor é a fonte de tudo que é bom ( Tiago 1:17), mas nem tudo que é bom na aparência é na essência. E nem tudo que é aparentemente ruim, realmente é ruim. Exemplo: Acredito que Deus pode dizer que algo é bom pra nós, entretanto a nossa opinião atual é totalmente a inversa da dEle; quem está certo, Deus ou a gente? O Senhor, com certeza. Mas as nossas razões limitadas, egoísmo, imaturidade e tantos outros motivos podem nos privar do que, (SEM UM PINGO DE DÚVIDA, ALGUM TEMPO DEPOIS) vamos louvá-lo e sermos eternamente gratos.

O que eu quero dizer com isso tudo? Existem situações que explicitamente é Deus, outras que é explicitamente o diabo. Já existem algumas que é falta de fé, outras que é Deus livrando. Também existem outras que é colheita de pecado, já tem outras que são colheitas do que outras pessoas fizeram de errado e acabam nos afetando. Enfim… Quem é capaz de nos dar um norte e definir o que é o quê em cada situação?

Eu creio que somente a Palavra de Deus, o Espírito Santo e o nosso espírito. E, com isso, eu incluo a possibilidade de você ouvir conselhos de pessoas que são maduras, ler um livro, se analisar (por que muitas vezes, acredite, a direção que você vai ter no seu espírito é a de pedir ajuda a alguém, por que o nível de sabedoria que você tem não é suficiente).

E é isso gente… Tentei colocar pingos nos “i”, mas são muitas situações! Procure sabedoria, por que ela é o caminho que o Espírito Santo, a Palavra de Deus e o seu espírito vão te guiar ( Tiago 1:5)

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

NewsLetter

Cadastre-se em nossa lista para receber atualizações de nosso portal. 

Destaques da semana​

Estude no Maior Centro de Treinamento Bíblico do Mundo!